Lobisomem

O lobisomem é um animal mitológico e o assunto de muitas histórias em todo o mundo - e mais do que alguns pesadelos. Lobisomens são, de acordo com algumas lendas, pessoas que se transformam em lobos ferozes e poderosos. Outros são uma combinação mutante de humano e lobo. Mas todos são bestas sanguinárias que não podem controlar sua luxúria por matar pessoas e animais.

As primeiras lendas do lobisomem

Não está claro exatamente quando e onde a lenda do lobisomem se originou. Alguns estudiosos acreditam que o lobisomem fez sua estreia em O épico de Gilgamesh, a prosa ocidental mais antiga conhecida, quando Gilgamesh rejeitou um amante em potencial porque ela havia transformado seu companheiro anterior em um lobo.

Os lobisomens fizeram outra aparição inicial na mitologia grega com a Lenda de Licaão. Segundo a lenda, Licaão, filho de Pelasgus, irritou o deus Zeus quando lhe serviu uma refeição feita com os restos mortais de um menino sacrificado. Como punição, o enfurecido Zeus transformou Licaão e seus filhos em lobos.

Os lobisomens também surgiram no folclore nórdico inicial. o Saga dos Volsungs conta a história de um pai e filho que descobriram peles de lobo que tinham o poder de transformar pessoas em lobos por dez dias. A dupla pai-filho vestiu as peles, transformou-se em lobos e iniciou uma matança na floresta. A violência terminou quando o pai atacou seu filho, causando um ferimento letal. O filho só sobreviveu porque um corvo gentil deu ao pai uma folha com poderes de cura.

Lobisomens infames

Muitos dos chamados lobisomens de séculos atrás eram na verdade assassinos em série, e a França tinha seu quinhão. Em 1521, os franceses Pierre Burgot e Michel Verdun supostamente juraram lealdade ao diabo e afirmaram ter um unguento que os transformou em lobos. Depois de confessar o assassinato brutal de várias crianças, os dois morreram queimados na fogueira. (A queimadura era considerada uma das poucas maneiras de matar um lobisomem.)

Giles Garnier, conhecido como o “Lobisomem de Dole”, foi outro francês do século XVI cuja fama também era um unguento com habilidades de metamorfose. De acordo com a lenda, como um lobo, ele matava crianças violentamente e as comia. Ele também foi queimado na fogueira por seus crimes monstruosos.

Se Burgot, Verdun ou Garnier eram doentes mentais, agiam sob a influência de uma substância alucinógena ou eram simplesmente assassinos de sangue frio, isso é motivo de debate. Mas provavelmente não importou para os europeus supersticiosos durante o século 16. Para eles, tais crimes hediondos só poderiam ser cometidos por uma besta horrível como o lobisomem.

O lobisomem de Bedburg

Peter Stubbe, um rico fazendeiro do século XV em Bedburg, Alemanha, pode ser o lobisomem mais famoso de todos. De acordo com o folclore, ele se transformou em uma criatura parecida com um lobo à noite e devorou ​​muitos cidadãos de Bedburg.

Peter acabou sendo culpado pelas mortes horríveis depois de ser encurralado por caçadores que alegaram que o viram mudar de lobo para a forma humana. Ele experimentou uma execução horrível depois de confessar sob tortura ter matado animais, homens, mulheres e crianças de forma selvagem - e comer seus restos mortais. Ele também declarou que possuía um cinto encantado que lhe dava o poder de se transformar em lobo à vontade. Não surpreendentemente, o cinto nunca foi encontrado.

A culpa de Peter é controversa, pois algumas pessoas acreditam que ele não era um assassino, mas a vítima de uma caça às bruxas política - ou talvez de uma caça ao lobisomem. De qualquer forma, as circunstâncias em torno de sua vida e morte alimentaram temores galopantes na época de que os lobisomens estavam à solta.

O Metamorfo como Lobisomem

Algumas lendas afirmam que os lobisomens mudaram de forma à vontade devido a uma maldição. Outros afirmam que se transformaram com a ajuda de uma faixa encantada ou uma capa feita de pele de lobo. Outros ainda afirmam que as pessoas se tornaram lobos após serem arranhadas ou mordidas por um lobisomem.

Em muitas histórias de lobisomem, uma pessoa só se transforma em lobo quando há lua cheia - e essa teoria pode não ser rebuscada. De acordo com um estudo realizado no hospital Calvary Mater Newcastle da Austrália, a lua cheia traz a "besta" em muitos humanos. O estudo descobriu que dos 91 incidentes violentos e agudos de comportamento no hospital entre agosto de 2008 e julho de 2009, 23% aconteceram durante a lua cheia.

Os pacientes atacaram os funcionários e exibiram comportamentos de lobo, como morder, cuspir e coçar. Embora muitos estivessem sob a influência de drogas ou álcool na época, não está claro por que eles se tornaram intensamente violentos quando a lua estava cheia.

Os lobisomens são reais?

O fenômeno do lobisomem pode ter uma explicação médica. Veja Peter, o Menino Selvagem, por exemplo. Em 1725, ele foi encontrado vagando nu de quatro por uma floresta alemã. Muitos pensaram que ele era um lobisomem ou pelo menos criado por lobos.

Peter comia com as mãos e não conseguia falar. Ele acabou sendo adotado pelas cortes do Rei George I e do Rei George II, e viveu seus dias como seu “animal de estimação” na Inglaterra.

A pesquisa mostrou que Peter provavelmente tinha a síndrome de Pitt-Hopkins, uma condição descoberta em 1978 que causa falta de fala, convulsões, características faciais distintas, dificuldade para respirar e desafios intelectuais.

Outras condições médicas que podem ter encorajado a mania do lobisomem ao longo da história são:

  • licantropia (uma condição psicológica rara que faz as pessoas acreditarem que estão se transformando em um lobo ou outro animal)
  • intoxicação alimentar
  • hipertricose (uma doença genética rara que causa crescimento excessivo de pelos)
  • raiva
  • alucinação, possivelmente causada por ervas alucinógenas

Ao longo dos séculos, as pessoas usaram lobisomens e outras feras míticas para explicar o inexplicável. Nos tempos modernos, no entanto, a maioria acredita que os lobisomens nada mais são do que ícones do terror da cultura pop, que ficaram famosos graças ao filme de Hollywood de 1941, O homem-lobo.

Ainda assim, os lobisomens têm um culto de seguidores, avistamentos de lobisomens são relatados a cada ano e as lendas dos lobisomens provavelmente continuarão a assombrar os sonhos de pessoas em todo o mundo.

Fontes

A Saga dos Volsungs. D. L. Ashliman, Universidade de Pittsburgh.
Burgot e Verdun: Lobisomens ou assassinos alucinantes. Monstrum Athenaeum.
Lobisomens da vida real: a psiquiatria reexamina a ilusão rara. LiveScience.com.
Estudo do hospital mostra o efeito do lobisomem na lua cheia. Sydney Morning Herald.
A condição de Peter, o Menino Selvagem, foi revelada 20 anos após sua morte. O guardião.
Gilgamesh. Enciclopédia de História Antiga.
Hipertricose. DermNet New Zealand.
Lycaon. Encyclopedia Mythica.
O Lobisomem de Bedburg. ThoughtCo.com.
O que é a síndrome de Pitt Hopkins? Fundação de Pesquisa Pitt Hopkins.


Como as lendas de lobisomem começaram?

A maioria dos mitos e lendas tem alguma base em fatos. Levar a lendas do lobisomem, por exemplo. Dizem que esse monstro meio homem meio lobo continua matando violentos, massacrando suas vítimas com ataques terríveis e cruéis. Apesar da versão romântica dos lobisomens que Hollywood e dos romances para jovens adultos estão nos mostrando, histórias de ataques de lobisomem aconteceram após assassinatos bárbaros. Esses ataques foram feitos por um lobo comum, por um humano psicótico ou por um verdadeiro híbrido humano-lobo? Vejamos a longa história das lendas dos lobisomens.


Lobisomens: a lenda da licantropia

O lobisomem é um animal mitológico e tema de muitas histórias em todo o mundo e mais do que alguns pesadelos. Lobisomens são, de acordo com algumas lendas, pessoas que se transformam em lobos ferozes e poderosos. Outros são uma combinação mutante de humano e lobo. Mas todos são bestas sanguinárias que não podem controlar sua luxúria por matar pessoas e animais.

Não está claro exatamente quando e onde a lenda do lobisomem se originou. Alguns estudiosos acreditam que o lobisomem fez sua estreia em O épico de Gilgamesh, a prosa ocidental mais antiga conhecida, quando Gilgamesh rejeitou um amante em potencial porque ela havia transformado seu companheiro anterior em um lobo.

Os lobisomens fizeram outra aparição inicial na mitologia grega com a Lenda de Licaão. Segundo a lenda, Licaão, filho de Pelasgus, irritou o deus Zeus quando lhe serviu uma refeição feita com os restos mortais de um menino sacrificado. Como punição, o enfurecido Zeus transformou Licaão e seus filhos em lobos.

Os lobisomens também surgiram no folclore nórdico inicial. o Saga dos Volsungs conta a história de um pai e filho que descobriram peles de lobo que tinham o poder de transformar pessoas em lobos por dez dias. A dupla pai-filho vestiu as peles, transformou-se em lobos e iniciou uma matança na floresta. A violência terminou quando o pai atacou seu filho, causando um ferimento letal. O filho só sobreviveu porque um corvo gentil deu ao pai uma folha com poderes de cura. (continue lendo a partir de The History Channel)


Gilles Garnier, 1573, O Lobisomem de Dole

Werewolves.com relata que Gilles Garnier vivia fora da cidade francesa de Dole e era essencialmente um eremita.

Um pouco depois do início da residência de Garnier, crianças da cidade começaram a desaparecer ou aparecer mortas, mutiladas e dissecadas.

As autoridades legais locais concluíram que deve ser obra de um lobisomem e encorajaram os cidadãos a estarem atentos e a caçarem o lobo. Um grupo de homens perto de Dole estava fazendo exatamente isso quando avistaram o que parecia ser um lobisomem pairando sobre o corpo de uma criança.

Quando chegaram perto o suficiente, viram que não era um lobo, era o eremita Garnier. Provavelmente após a tortura, ele confessou em seu julgamento, dizendo que havia sido visitado por um fantasma ou demônio que lhe deu uma pomada que o transformaria em um lobo.

Lobisomem. Foto de Martin Grondin CC BY SA 2.0

Ele confessou ter matado e comer várias crianças que se aventuraram na floresta e disse que dividiu a carne com sua esposa. Garnier foi considerado culpado de bruxaria e licantropia e foi queimado na fogueira.


Lobisomens: tradição, lenda e licantropia

Lobisomens (literalmente "homens-lobos") são criaturas que mudam de forma com velocidade, força, reflexos e sentidos incomuns. Eles podem ser encontrados em incontáveis ​​livros, filmes e programas de televisão, desde o clássico de terror, "The Wolf Man", até as séries "Twilight" e "Underworld". Embora os lobisomens frequentemente fiquem em segundo plano em relação aos vampiros e zumbis em termos de homens-monstros da cultura pop, eles têm uma longa e rica história.

Criando lobisomens

Tradicionalmente, havia várias maneiras de uma pessoa se tornar um lobisomem. Em seu livro "Gigantes, Monstros e Dragões", a folclorista Carol Rose observa que "Na Grécia antiga, acreditava-se que uma pessoa podia ser transformada comendo a carne de um lobo que havia sido misturada com a de um humano e que a condição era irreversível. " Séculos mais tarde, outros métodos seriam usados ​​para criar lobisomens, incluindo "ser amaldiçoado ou concebido sob a lua nova, ou por ter comido certas ervas, ou por dormir sob a lua cheia na sexta-feira, ou por beber água que foi tocada por um lobo." Também se acreditava amplamente que os lobisomens podiam se vestir com uma pele especial e protetora de lobo, embora tivessem que removê-la ao amanhecer e escondê-la. Se sua pele mágica fosse encontrada e retirada do lobisomem em forma humana, ele ou ela poderia ser morto.

Um tema semelhante aparece no folclore escocês e irlandês das criaturas selkies e mdash que passam suas vidas no oceano frio como focas, mas podem mudar para a forma humana trocando sua pele. Se o fizerem, devem esconder suas peles, pois caso sejam encontrados, não podem voltar a ser focas e devem viver em terra com os pescadores que possuem suas peles.

Embora a lua cheia fosse originalmente apenas uma das muitas causas possíveis da licantropia, foi a que ficou na mente do público. Hoje, muitas pessoas ainda associam a lua com lobisomens e loucura. Alguns que trabalham na polícia e em serviços médicos de emergência afirmam que as noites de lua cheia são mais agitadas, loucas e perigosas do que outras noites. Essa percepção pode estar mais enraizada na psicologia e na imaginação do que na realidade: estudos cuidadosamente controlados não encontraram boas evidências para apoiar essa ideia. Além disso, não há mecanismo conhecido pelo qual a lua de alguma forma influenciasse a mente de uma pessoa para torná-la mais perigosa & mdash, exceto, é claro, para sua própria imaginação e expectativas.

Lobisomens 'reais'

Hoje, os lobisomens são conhecidos por serem criaturas míticas encontradas na ficção, em vez de espreitarem na floresta escura, mas nem sempre foi o caso. Não muito tempo atrás, a crença em lobisomens era comum. No geral, havia pouca diferença entre os assassinatos e atividades de lobos e lobisomens: ambos caçavam à noite, atacando ovelhas ou gado e, às vezes, humanos. A principal diferença era, claro, que o lobisomem mudou para a forma humana em algum ponto.

Existem várias condições médicas que podem imitar a aparência de um lobisomem e podem ter contribuído para a crença inicial na existência literal das criaturas. Uma é a hipertricose, que cria cabelos incomumente longos no rosto e no corpo. Uma segunda condição, a porfiria, é caracterizada por extrema sensibilidade à luz (encorajando assim suas vítimas a saírem apenas à noite), convulsões, ansiedade e outros sintomas. Nenhuma dessas condições raras transforma alguém em lobisomem, é claro, mas séculos atrás, quando a crença em bruxas, vampiros e magia era comum, não demorou muito para gerar histórias de lobisomem.

A licantropia clínica é uma condição médica reconhecida em que uma pessoa acredita ser um animal e, de fato, existem casos raros em que as pessoas afirmam ser lobisomens. Por exemplo, em 1589, um alemão chamado Peter Stubbe afirmou possuir um cinto de pele de lobo que lhe permitiu se transformar em lobo: seu corpo se dobraria em uma forma de tremoço, seus dentes se multiplicariam em sua boca e ele ansiava por sangue humano.

Stubbe alegou ter matado pelo menos uma dúzia de pessoas ao longo de 25 anos & mdash, embora sua confissão tenha sido feita em circunstâncias difíceis: após prolongada tortura (incluindo pedaços de sua carne sendo arrancados com pinças aquecidas e seus membros sendo esmagados com pedras), ele foi decapitado no Halloween de 1589, e seu corpo sem cabeça queimado na fogueira. Não havia nenhuma evidência real de seus crimes além de sua confissão, e parece provável que Stubbe estava mentalmente doente e delirando.

Stubbe estava longe de estar sozinho. Na Idade Média, acreditava-se que os lobisomens eram em sua maioria criados por bruxas, e os dois tornaram-se intimamente associados. Assim como dezenas de milhares de bruxas acusadas foram condenadas à morte (geralmente de maneiras horríveis e sádicas), dezenas de milhares de lobisomens acusados ​​foram igualmente despachados.

Como a licantropia era vista como uma maldição, os lobisomens eram frequentemente vistos como vítimas tanto quanto vilões. A transformação de homem em lobo foi considerada tortuosa (lembre-se de tais cenas no filme "An American Werewolf in London"), e muitos buscaram curas para sintomas reais e imaginários. “Tradicionalmente, existem três maneiras principais pelas quais um lobisomem pode ser flagelado de seus demônios”, escreve Ian Woodward em “The Werewolf Delusion”. "Ele pode ser curado medicinalmente e cirurgicamente, pode ser exorcizado e, o mais drástico, pode ser baleado com uma bala especial" & mdash normalmente uma bala de prata. Quando as curas medicinais e cirúrgicas foram tentadas, envolveram muito derramamento de sangue, vômito e ingestão de vinagre. Na verdade, Woodward observa: "Tão severas, tão brutais, eram as curas defendidas pelos primeiros médicos que, não surpreendentemente, muitos pacientes lobisomens morreram pelas mãos daqueles que lhes prometeram a salvação." [Contagem regressiva: os 10 maiores mitos da tortura medieval]

Embora os lobisomens sejam os metamorfos mais conhecidos, eles não são os únicos were-animais que dizem existir ao redor do mundo. Outros incluem were-raposas, were-cães, were-tigres, were-cobras, were-lebres, were-ursos e até were-crocodilos. Claro, lobos são mais ameaçadores do que cães e raposas, há uma razão pela qual a maioria dos filmes de lobisomem são assustadores e "Wallace & amp Gromit: A maldição do Were-Rabbit" era uma comédia. Como os vampiros, os lobisomens existem há milênios, e nada menos que uma bala de prata é capaz de impedi-los de existir mais milênios.


Lobos Mortais

Na lenda nórdica, Tyr (também Tiw) é o deus guerreiro de uma mão. e ele perdeu a mão para o grande lobo, Fenrir. Quando os deuses decidiram que Fenrir estava causando muitos problemas, eles decidiram prendê-lo com algemas. No entanto, Fenrir era tão forte que não havia corrente que pudesse prendê-lo. Os anões criaram uma fita mágica - chamada Gleipnir - da qual nem mesmo Fenrir conseguiu escapar. Fenrir não era tolo e disse que só se permitiria ser amarrado a Gleipnir se um dos deuses estivesse disposto a enfiar a mão na boca de Fenrir. Tyr se ofereceu para fazer isso, e uma vez que sua mão estava na boca de Fenrir, os outros deuses amarraram Fenrir para que ele não pudesse escapar. A mão direita de Tyr foi arrancada durante a luta. Tyr é conhecido em algumas histórias como "Restos do Lobo".

Os povos Inuit da América do Norte têm o grande lobo Amarok em alta consideração. Amarok era um lobo solitário e não viajava com uma matilha. Ele era conhecido por caçar caçadores tolos o suficiente para sair à noite. Segundo a lenda, Amarok procurou o povo quando o caribu se tornou tão abundante que o rebanho começou a enfraquecer e adoecer. Amarok veio atacar o frágil e doente caribu, permitindo assim que o rebanho voltasse a ser saudável, para que o homem pudesse caçar.


Lobisomens

Karl Bartsch

As lendas do lobisomem são bem conhecidas. Segundo eles, muitas pessoas possuíam o poder de se transformar em lobos colocando um cinto de lobo. Eles então vagavam à noite atacando seus inimigos ou o gado deles.

Em Fahrenholz, no ano de 1682, várias pessoas foram acusadas de serem capazes de se transformar em lobos e foram julgadas.

Apenas trinta anos atrás [na década de 1840] numerosos exemplos desse tipo de magia foram relatados em todos os quartos das crianças, embora não tenha havido lobos em Mecklenburg por mais de cem anos. Isso prova o quão difundidas essas lendas devem ter sido anteriormente.

Beyer, no Meklenburgische Jahrb & uumlcher (20, 161), afirma que "Até onde me lembro, na minha juventude eu só ouvi falar de lobisomens homens, nunca mulheres. No entanto, em outras regiões, o gênero não faz diferença."

Um homem possuía um cinto de lobo, ou seja, tinha a capacidade de se transformar em lobo (lobisomem). Certa vez, os caçadores organizaram uma caça à raposa e colocaram um cavalo morto na floresta como isca para as raposas. O lobisomem foi lá e estava comendo do cavalo. Os caçadores o surpreenderam e atiraram nele. Ele fugiu, e quando eles foram para a casa do homem que eles suspeitavam ser um lobisomem, eles o encontraram na cama com um ferimento a bala.

Uma jovem cujo marido estava freqüentemente inexplicavelmente ausente suspeitou que ele era um lobisomem.

Um dia, os dois estavam trabalhando no campo. O homem novamente deixou sua esposa. De repente, um lobo saiu dos arbustos, correu em sua direção, agarrou sua saia de lã vermelha com os dentes e a sacudiu para frente e para trás. Com gritos e golpes de seu garfo de feno, ela o afastou.

Logo depois, seu marido emergiu dos mesmos arbustos em que o lobo havia desaparecido. Ela contou a ele sua experiência assustadora. Ele riu, revelando assim os fios de lã vermelha da saia dela que estavam presos entre seus dentes.

Ela o denunciou ao juiz, e ele foi queimado até a morte.

Um lenhador estava trabalhando na floresta com seu irmão. Este último foi embora, e logo em seguida um lobo saiu dos arbustos próximos. O lenhador feriu-o na pata dianteira direita com o machado e o lobo recuou uivando.

Naquela noite, quando o lenhador voltou para casa, encontrou o irmão na cama com o braço direito escondido sob as cobertas. Só depois de repetidas ameaças ele revelaria seu braço, e nele estava o mesmo ferimento que o lenhador havia feito no lobo.

Ele denunciou seu irmão, que morreu queimado.

    Fonte: Karl Bartsch, Sagen, M & aumlrchen und Gebr e aumluche aus Meklenburg (Wien: Wilhelm Braum & uumlller, 1879), v. 1, no. 182, pp. 147-148.


História assustadora: 5 das melhores lendas do lobisomem

Para a maioria, o amor por lobisomens surgiu de um filme de terror clássico ou um programa de TV sobrenatural, mas para mim, foi em um livro de história. Existem incontáveis ​​mitos e lendas sobre lobisomens em todo o mundo, desde os dias em que as pessoas acreditavam no paranormal. Essas são as histórias que adoro. A tradição do lobisomem é minha paixão. Existem tantas lendas do lobisomem espetaculares e misteriosas, mas abaixo estão algum dos meus favoritos.

(clique nos títulos para obter informações mais detalhadas)

O lobisomem da morte
Eu amo o mito de Luison, é tão perfeitamente assustador. Luison é uma criatura da mitologia Guarani. Ele é parte lobo, parte humano e cheira a morte e decadência. Ele é o senhor da morte e protetor dos cemitérios.

The Lycanthropous Stream
Existe uma velha lenda que fala de uma corrente mágica que pode transformar um indivíduo em um lobisomem. A lenda parece ser de origem europeia, mas, além disso, há muito poucas informações sobre ela. Isso é parte do meu amor por este mito - o mistério dele. Este fluxo mágico realmente existe? E se sim, onde está? Isso me lembra da fonte da juventude.

Como se tornar um lobisomem
De acordo com o folclore, existem muitos maneiras de se tornar um lobisomem. Acho incrível que há centenas de anos as pessoas acreditassem genuinamente nessas coisas. Tipo, comer o cérebro de um lobo faria de você um lobisomem, ou nascer na véspera de Natal faria de você um lobisomem, ou não iria se confessar por 10 anos. Tantos! E as pessoas realmente acreditaram nessas coisas! É fascinante.

Lobisomens em marcha
Esta é outra lenda misteriosa, sobre a qual desejo desesperadamente saber mais. Conta a história de um grupo de humanos perversos que são retirados de suas casas e forçados a marchar pela cidade, perdendo suas formas humanas no caminho e se transformando em lobos. Após 12 dias, eles se tornam humanos novamente. Eu sugiro a leitura da legenda completa (clique no título), é diferente.

Remédio para sangramento
Eu amo a história desse conto. Mistura crenças supersticiosas com antigas crenças médicas. É fantástico! Lembra-se de aprender sobre como sangrar uma pessoa na aula de história? Os médicos pensavam que para curar alguém de sua doença, eles simplesmente tinham que drenar o sangue dessa pessoa. Estar sangrando já foi uma prática comum e com laços com lobisomens.

E aí está, amantes de lobisomem. 5 dos meus mitos e lendas favoritos de lobisomem. Eu tenho MUITOS mais favoritos, mas vou me parar aqui. O que você acha desses contos populares antigos?


História de lendas e folclore que mudam de forma

meio homem meio lobo. também conhecido como Aswang

A mudança de forma, ou o ato de uma espécie assumir a forma total ou parcial de outra por um período de tempo, tem seu lugar em muitas lendas ao longo da história. Desenhos em cavernas descobertos em Ariege, França, têm imagens de criaturas metade animais / metade humanas, dando lugar ao conhecimento de que esses tipos de lendas são ainda mais antigos do que se pensava. De onde vieram essas lendas? Na verdade, por que se acreditava que, por vontade ou involuntariamente, uma pessoa poderia mudar de forma? Com tudo o que sabemos agora da impossibilidade física de tal coisa, por que as pessoas ainda acreditam que existem aqueles que podem andar normalmente entre a raça humana e que têm a habilidade de assumir características de animais?

As lendas da mudança de forma variam de acordo com o tipo de animal que uma pessoa se torna. Em casos raros, a crença para alguns é tão forte que na verdade deu origem a uma condição diagnosticável para aqueles que pensam que podem se transformar em uma criatura metade humana metade animal. Dizia-se que geralmente acompanhava doenças mentais como esquizofrenia e depressão maníaca e incluía sintomas do que foi descrito como psicose desenvolvida. Alucinações e mudanças na marcha e expressões faciais foram anotadas. Ironicamente, embora a condição tenha a reputação de estar associada à crença em lobisomens (meio humano / meio lobo), os casos reais documentados tiveram uma variedade maior de animais mencionados.

Zeus transformando Licaão em lobo, gravura de Hendrik Goltzius.

Há alguns que acreditam que a & # 8216licantropia & # 8217 é a forma da ciência & # 8217 de explicar o que não pode ser & # 8211 e que essa é a conexão entre os seres humanos e outros na espécie animal. Vejamos um pouco da história e até onde essas lendas vão. Embora nada disso seja prova de algo definitivo, mostra uma profunda crença de que havia muitos lados no espírito humano, e parte disso incluía os animais. Cada lenda varia no que diz respeito ao que faz com que uma pessoa seja capaz de mudar de forma e alguns dizem que nem todos estão dispostos. Quer seja visto como um presente ou uma maldição, é certamente interessante há quanto tempo as lendas existem.

Theriacephaly, ou um humano com cabeça de animal, remonta a muitas das mitologias antigas, como Anúbis nas lendas egípcias, que diziam ter a cabeça de um chacal. Existem até referências ortodoxas orientais de que São Cristóvão tinha cabeça de cachorro e, claro, muitos na Wicca moderna prestam homenagem ao Deus Chifrudo. De todas essas histórias vem a mensagem definitiva de que o homem e o animal estão profundamente conectados.

Culturas e lendas de mudança de forma

A lenda nórdica fala dos & # 39berserkers & # 39

A lenda nórdica fala dos & # 8221 (sim, é daí que veio a palavra), que eram guerreiros que vinham para a batalha supostamente vestidos com a pele de um urso. Esses homens iriam se transformar em uma fúria furiosa levando a lutar em um frenesi até que a batalha terminasse. Embora estes não fossem metamorfos no sentido clássico, eles eram uma representação da conexão homem / animal. Foi dito que quando eles entraram na batalha sem qualquer armadura além da pele de animal, lutaram com a força de um urso selvagem.

Nas Américas pré-colombianas, nas áreas que hoje constituem o México e a Costa Rica, existiam as lendas do Nagual. Dizia-se que eram pessoas que podiam realmente se transformar em cães ou hienas, mas também podiam vir na forma de animais mais poderosos. Esses poderes eram considerados mágicos e qualquer um que tivesse a habilidade de se transformar em um animal era considerado altamente favorecido pelos deuses e geralmente eram os líderes religiosos da vila.

Os skin-walkers são uma grande parte do folclore das nações indígenas do que hoje são os Estados Unidos. Nessas lendas, a pessoa poderia se transformar em animal à vontade, mas apenas se estivesse usando uma pele do animal no momento. Na nação Navajo, o yee naaldlooshii tem a tradução literal de & # 8220 alguém que anda de quatro & # 8221. A crença é baseada na antiga magia Navajo e acredita-se que muitos deles tinham más intenções. Na verdade, em algumas culturas Navajo, acredita-se que quando uma dessas pessoas, que alguns chamariam de & # 8216witches & # 8217, atingiu um nível de mal conhecido como clizyati, que muitas vezes resultou no assassinato de um de seus familiares. Os skin-walkers são considerados aqueles que alcançaram um nível tão alto de sacerdócio ou crença religiosa que literalmente os levou à loucura & # 8211 acreditavam estar condenados a caminhar pela terra cheios de ódio e vingança.

O folclore hindu inclui a história do Ichchadhari Nag. Este leva um

Anúbis é o corpo de um homem e a cabeça de um cachorro

diferente da transformação usual de humano para animal e, em vez disso, descreve uma cobra que pode aparecer em qualquer forma desejada, geralmente a de um humano. Diz a lenda que esta criatura possui uma joia extremamente valiosa que, se alguém tentasse roubá-la, seria derrubado por uma mordida venenosa. O instrumento musical do encantador de serpentes conhecido como Been ou pungi pode ser usado para controlar o Ichchadhari Nag. Esta criatura se tornou um personagem popular em quadrinhos e ficção.

Existem outras lendas de mudança de forma que simplesmente envolvem humanos assumindo uma forma mais monstruosa ou exagerada. Na mitologia japonesa, os Rokurokubi são criaturas que têm formas totalmente humanas durante o dia, mas à noite podem transformar seus pescoços e parte superior do corpo em proporções gigantescas. Esta forma é considerada má por natureza, mesmo que a forma humana seja basicamente boa. Dizia-se que alguns nem sabiam de suas caminhadas noturnas.

Crenças modernas sobre mudança de forma

A religião moderna da Wicca origina-se de muitas das crenças pagãs dos tempos antigos. A religião em si é relativamente nova, mas os conceitos e crenças básicos já existiam há milhares de anos antes do nascimento de Cristo. As práticas de mudança de forma são reconhecidas em vários tipos, alguns dos quais têm mais a ver com um estado de consciência do que com transformações físicas reais. Na mudança de forma da consciência, a ideia de que duas ou mais pessoas se concentrando no mesmo resultado pode, na verdade, fazer com que isso aconteça. Outro tipo de mudança de forma, conhecido como integração (ou canalização), é quando alguém acredita que pode se concentrar em um objeto, outra pessoa ou animal e se tornar um com sua alma. Nada disso está provado, é claro, mas mostra a virada moderna que essa crença tomou. A transformação do humano em animal não se perde completamente nas práticas modernas, porém é mais um simbolismo do que uma experiência tangível.

leito de morte de um shifter feiticeiro.

É claro que histórias de ficção populares mantiveram o lobisomem vivo por muitas décadas. Lon Chaney & # 8217s & # 8220Wolf Man & # 8221 e o personagem da série Crepúsculo de Jacob trouxeram um romantismo triste para o que muitos diriam ser uma criatura temível. Na versão de Hollywood, o lobisomem que muda de forma adiciona um elemento de melancolia ao personagem. Eles geralmente não desejam se transformar em lobos, pois isso geralmente é parte de uma maldição ou descendência familiar que tira suas escolhas. Nessas histórias, qualquer dano causado não é intencional, porém a falta de controle quando estão na forma animal é enfatizada.

Existe alguma verdade nas lendas? Além da interessante arte das cavernas antigas e as muitas lendas e mitos transmitidos de boca em boca, não há nenhuma prova definitiva. No entanto, é uma reflexão interessante sobre a humanidade como um todo e a relação com os animais. Tanto o homem quanto a besta podem ser predadores ou presas e sua conexão desafia qualquer um que exista na cadeia alimentar animal & # 8216 & # 8217. Se as lendas são simplesmente representações de um vínculo humano / animal ou uma recontagem real de eventos é uma questão de crença sem prova para sustentá-la. No entanto, é um olhar fascinante para outro mistério que remonta aos tempos antigos e, de alguma forma, conseguiu permanecer um tópico de interesse.

Escrito por Angela Sangster, Copyright 2012 BestOfAllTopics.com

O Manual do Lobisomem: Um Guia Essencial para Lobisomens e, mais importante, como evitá-los

Os lobisomens estão mais populares do que nunca & # 8211muito graças aos sucessos recentes do cinema & # 8211 e este novo título altamente divertido diz aos leitores tudo o que eles & # 8217deveriam saber sobre os terríveis membros sobrenaturais da família do canis lupus. Os recém-chegados à tradição de lobisomem ficarão surpresos ao saber que existem muitas variedades diferentes de lobisomem.

Alfas são os líderes, e Betas são membros relutantes, mas mortais de uma matilha de lobisomem. Mas também existem Benandanti, homens santos que se transformam em lobos para lutar contra as bruxas. . . e Loup-garoux, lobisomens que podem mudar de homem para lobo mesmo durante o dia. The more ordinary werewolves achieve their terrible transformations from man to beast only by the light of the Moon.

Author Robert Curran also notes that Christopher, the mysterious saint venerated in the Roman Catholic Church, has many werewolf characteristics. In addition, this book tells readers where werewolves live, describes their telltale traits, such as hairy palms, advises on how to avoid becoming a werewolf, and gives tips on what werewolf victims should do when they are attacked. More than 100 moody and atmospheric color illustrations accompany this intensely readable text.


K I’m from da laguna tribe n I’m from da wolf clan n just before my great grandfather past away he said dat all people from our clan can turn into wolves but only full blooded Native Americans can n not part or half blooded natives but when my cuz turned 20 my uncles n grandfathers did this very sacred tradition dat white black or any other race can never ever know about but after my cuz was done there were things changed about him like hearing strength diet n a lil bit buff n my grandfather said soon my time will come soon when I turn 20 or 19 it depends

Can I know it. I’m black, white but native american (mostly native, the black just shows genetic wise on my skin) 51.9% cherokee (or some other clan around NY, CTUSA) 10.3% white(european ethnicites like italian, roman etc.) and 37.8% black and my anscestor was also a shaman but the ritual was lost to us because of the reservations and killing back then so can you email the ritual to me or message me on google +, facebook or twitter.

Facebook: Christian Greene

Google+: SqUeEkEs DeRp PrOdUcTiOnS

It’d be nice to get back what those “white devils” (as a distant cousin called them) stole from us.

PLEASE it would bring great pride back to us (even if there are only like 3 of us who are still unwatered down in our lineage).

I am part Cherokee mostlikly 50 % because my grandmother on my mothers side was Cherokee she was in the Aniwaya clan I have lots of dreams of me turning into a werewolf and seeing the full moon last night 6/18/2014 that night I had a dream about me looking at 2 full moons and then turning into a werewolf I really need help to understand these dreams im having some one please reply

Perhaps you were ready to change. I’ve had similar dreams around when I was 12. Its hard to accept knowing you are different. These have been my struggles. But deep down im a wolf and i know that i can change. I dont change on full moons.lol.I know it has been a year and no one has talked about it with you. Our werewolf experiences are different. There’s not a whole lot to explain. But there is a lot we can’t explain. Authorities hide a lot of the answers. All you have to do is keep to yourself. I’m Cherokee and Blackfoot.you’re not alone. If you have passed on without these dreams then dont worry. But you’ll only know if you are one if you have the instincts of a wolf. Its the only way to accept who you really are.

If you wanna know my story ill share it ^^
You can contact me via email or facebook
Email: [email protected]
Facebook: Cheyenne Fish
Either way I hope to hear from you ^^

If you make any comparrison to twilight when speaking of being a werewolf youre full of shit and should probably do your research. Twilight werewolves arent even close to what the native legends say about a werewolf which is more appropriately known as skinwalkers.

I don’t care what people says I think wolves are the most beautiful creatures in this world MALES AND FEMALES

When I was 34 I had a dream of vampires chasin me and behind the vampires there was 4 wolves chasin the vampires that was trin to get me….. What does that means cause now I had to have a dream catcher so I won’t have those dreams. Then I put my dream catcher away and now and even I have dreams of a wolf or 2. 4 or 5 years ago I had a dream of my ex boyfriend bein murder by a guy and she is full blood cherokee and when I went back home I find out it really happen

B. Vampires or supernaturals (probably vamps or werewolves themselves)

II don’t care whant if people believes or not. I think wolves are the most beautiful creatures in this world.MALES AND FEMALES… :) Of all the animals in the world its they eyes I love lookin in their eyes. They have the beautiful soul and what I see in their they soul is love and kind.

Mohawk are a nation, not a tribe. I think the plains natives out west are the only ones that use the word “tribe”. If you’re even a tad bit native do us all a favor and stop using the word “indian”. Indians live in India. Let’s not encourage one man’s ignorant mistake (looking at you Columbus). I’ve never heard/read the words “limmikin” or “yenaloosi” in the Mohawk language, it’s not in our vocabulary, but perhaps in a different nation’s tongue. As for skinwalkers… they were/are feared, yes. Evil? No more evil then an actual wolf, I believe. It might depend on the individual. And clans are a family thing. I know some wolf clan, they are swift runners, lol but probably not skinwalkers or werewolves. I’m just saying that being apart of the wolf clan doesn’t guarantee you to be anything supernatural. It’s attributable, just as most bear clan are fierce and large in stature and most turtle clan are short and patient. Do skinwalkers and werewolves exist? I hold out hope. It’s neat to see so many people are interested in this though.

All I know is that my grandfather is full blooded cheeroke. Ever since I was 13 I have had dreams of my granny an grandpa dying an they did soon after I started having those dreams. According to my mother our first ancestor in the tribe was a witch doctor.. But my great aunt just says to me that I need to control my anger she says I can’t let it out. Y? Não sei. When I was fourteen some kid told me that one day I will inherit my tribal promise. What that is I don’t know. Im confused yes. Bc lately round the darkest time of the night I wiill get extremely pissed over ntn my brothers keep calling me a demon bc at night my eyes have a redish tint to them an if im pissed they glow red. I told my great aunt an all she said was for me to watch my anger. What is going on I don’t care I just want it to be over.

I don’t know what to say to you

its never over as far as seeing future events go I’m not sure your a werewolf my fellow man but being half Cherokee myself not sure if that has anything to do with it or not but I have dreams and when I tell people they think I’m crazy till it happens so find a way to use it to your advantage

witchdoctors were almost always shapeshifters so yeah buddy your somethin (and if I’m correct they were usually the alpha so it’s your lucky day).

were you good at sports and all around unusually fit.

you could also have the powers of a witch or you can be any type of other shape shifter (because your side effects are found with being a werewolf, but being a werebear, fox, cyote are a mystery).

Christian and Don,
I have some of the same questions also due to recent experiences because I am worried for my family. Does this only apply to those of Cherokee descent? I am not a “wannabe”, nor am I attempting to make a joke of something serious. I know this happens. But what I don’t understand is why someone I love so much has to take off so frequently to be with nature, discuss shape shifting etc. Maybe I am just not meant to understand all the rituals and “disappearances” since I am not Indiginous, however I really need some insight so I can better understand things that have happened in my life the past two years.

When I was round thirteen I went to my father an I told him that I saw granny dying couple months later she died the exact same way I dreamed for that I was blamed an he gave me up calling me demon he said I was a killer an pretty much he up to dcs after beating the shit outa me. He tried to force me into Catholicism but I wouldn’t go I became interested n native legends I have anger issues yes. I was put on medication for sleep an other shit all ik is that if I go to sleep pissed off I dream of Somone dying an they do. Bc of that im afraid to sleep. Lately round night im pissed an my foster brothers keep freaking out bc my eyes glow a reddish tint even n the daylight they r slightly red. What is happening idk I just want answers an I need them. Im part cheeroke. That’s all ik. My aunt is full blood cheeroke an all she say to me is that I need to control my anger before something happens y?

I’m part cheeroke to and I have dreams like that to sometimes listen to your aunt you must be a werewolf then

I have a native American heritage as well but I don’t know what tribe. I often have repeating dreams and those are the ones that come true. I also tend to get gut feelings alot and they’re always right, but I know that I’m not a wolf

and even though jesus is the way he shouldnt have said, did or called you those things because you are not any of those you are a creation of god and he told me to tell you no matter what things you were born with your still a human in his eyes and HE. LOVES. YOU.

Your father shouldn’t have forced you into catholicsm especially because there not really doing his will right now (you should’ve chose for yourself, and I hope the damage is has tried to inflic upon your soul will not harden your heart to the point when you shut out god or simply believe he’s not real, they were when it started it out but got greedy and controlling and the actual church had to seperate and go underground as a lot of different sects and some sects got confused and others stayed true.

Just to quel some of your confusion Don hoped it helped and buddy…
keep trucking till you find your pack or a good church or both keep livin things will get better :).

Really? My eyes have reddish tinge to them ESP at night my foster brothers keep freaking out bc they do that. An if im extremely pissed an I try to hide my anger they turn red an theyjust give me cigs to calm down. Idk yes im confused an bc of this I’ve had to let go of the woman I’ve always loved an since I’ve done that my eyes have a permanent red spot sitting round the pupil. An they grow larger when im pissed an at night… They grow larger an my pupils widen along wit them y? Y do they do that? I remember when I was fourteen I met this dude who claimed he was a werewolf an said I was one too. Shortly after he told me he died.. Authorities say it was a car accident but I was told by his family that he had a bullet hole n his head. He always told me he was being chased an said that I will inherit my tribal heritage. Im part cheeroke so I have no clue. I just found out… What does this mean? I need answers can anyone give them to me?

my eyes are red and I’m a werewolf so all I can say is stay away from them for know

ATWOK was probably hunting your guy you met and your trying to suppress your wolf side with drugs BAD IDEA (it’ll keep coming back stronger and stronger until you kill yourself from possible overdose or lose control and rampage) just embrace it find a pack and next time you feel your uncontrollable anger (transformation possibly) find a secluded place and… let it out (a lot of it I’m sure your aware is probably hurt and loss from your life, so letting go where your alone where there’s no one to judge you and you can be your true self with help with the anger. You can be the imfamous “alpha born” werewolf thats why your symptoms are so strong and the physical differences happen and show constantly.

I need to know if this stuff is real,im freaking out right now…

its totally real do you want to be a werewolf

I might just be human for now nut trust me I’m an alpha already and don’t you posers FOREGET IT (I don’t NEED a to be a wolf to be an alpha I’m alrwady one, I’m only waiting for the physical manifest (o|-)| )

Real Werewolfs Out There: I dont think he wants it he’s just another teen at his computer *STARTING TO MOVE TO THE NEXT COMMENT*

Yes I’ve read every possible ramification all the way to the first account in greek times, to the “hounds of god”, to the hellhound, to the different shifts to the spells and such and do I want it do I know what I’ll become *In a stupid, mocking voice*

I LIVE ON OLD TOWNE RD., CHESHIRE. CTUSA, BEHIND CHESHIRE COFFEE, FIRST COMPLEX, MIDDLE HOUSE THAT USUALLY HAS A CROSS ON IT, WITH A BLACK VAN, GREY PICK-UP TRUCK OR GRAY VAN IN THE PARKING SOMETIMES.

I’M TIRED OF THE BS AND LIES I WANT IT ALREADY!

THIS IS A CALL TO ALL WEREWOLF WHO “THINKS” THERE “ALPHA” ENOUGH TO DO IT (I’m calling both fake and real on their BS) (if your not then maybe your pack should have a TRUE WOLF LEAD XP) I CHALLENGE NOT ONLY YOU BUT YOUR WHOLE STINKING RACE. TURN ME OR RETREAT BACK TO FANTASY WHERE YOU BELONG, YOU FLONT IT WITH THE OCCATIONAL “oh I’m a werewolf I can transform, and run fast and scratch my own fleas yada yada yada” NO MATTER IF YOU THINK YOUR NOT… YOU ARE!

I DARE ANY WEREWOLF BRAVE ENOUGH AND CLOSE ENOUGH READING THIS TO COME AND BITE ME AND IF YOU ARE JUST SOME WEIRDO HUMAN THEN I’M GONNA MAKE SURE YOU LEAVE WITH GOOD OL’ FASHION (HUMAN) INFLICTED SCARS GO BACK HOME TO YOUR BASEMENT, SHUT-IN.

No REAL werewolf can resist this challenge of their pride and respect SO COME … I’m WAITING, WILLING AND ABLE |:)

I don’t mean to offend anybody, but there appears to be a lack of thought process when I see “do you want to be a werewolf?” Makes more sense to say it’s real and then list references to back that up rather than to give the skeptics another reason to laugh. And then leaving people like myself with giant question marks hanging over our heads.

Why the cross over the house? I went to Cheshire Coffee a few weeks ago after a trip to Close to Home (in southington) for sewing supplies. I live within a half hour.

I fell different to other people I know there is a wolf inside of me but I can’t help you

Most of the information in correct, but this topic is deeper then is portrayed.

Well if the some of you who claim to be real werewolves…. Thats just you wanting attention. I’m not trying to be mean at all but if you were a “real” werewolf, you wouldn’t at all be open about it.

I know how lame this sounds but I have the best were wolf stories you will ever hear only because it’s true

this story I’m about to share w you is no laughing matter nor fantasy but fact it all began before any of us had become in what is now known as fort Payne Alabama during the civil war a general name of Payne had brought his Calvary in 1 st Calvary the natives my ancestors the Cherokee was given a choice to fight for the general or die or leave on the trail of tears one brave I’ll call him red cloud red for short took up Payne on his shit of a offer and fought for him red was a fiercely admired brave of his clan and neighboring clan feared overall the others he was something totally different a battle broke out and red refused to use a gun he use a spears and hatchet he knew better than to let the paleface see the Hunter he was so he kept man form he had slain over sixty men in this battle without being harmed four days later about five in the afternoon another ambush occurred he faught killing more men but was slowly riddled with ball bullets a medical student that was drafted into Paynes crew saw red fall the general ordered that redcloud be taken care of for the general had grew fond of reds fearless tactics and as John is taking care of reds wounds in the heat of battle the doctor roughly pulling bullets from red’s body triggers red to lose control of his posure butting the young doctor’s hand as he tried pushing him on his side something was passed along to John and grew stronger and stronger on each hunters moon he knew he couldn’t be in population of others so he moved southwest of this fort sixty odd miles away on top of a mountain he had money from all his services and dealings from the locals he built a home with a caretakers house just south of his he ran a doctor’s office out of his house in 1991years and years later a family naught that home place and strange activities occurring at that old house in crossville still to this day I was born in the fountains hospital in ft Payne in 1986 I was severely disfigured born with a hole in my face my grandmother was full Cherokee she lived in the apartment across the street as time went on and my surgery was over I was skateboarding with my older brother and a friend when this creature walking upright covered in fur with glowing orange eyes steem coming from his mouth legs bent like that of a dog about seven ft maybe wearing a doctor’s coat walking from the hospital behind the apartment complex is about fifteen feet from us doing no harm to us we ran as fast as we could to get inside my dad moved us into the doctors old office and my grandmother later into the caretakers house I recently found out that doctor had traveled back and forth from mobile Alabama to crossville he had a wife and a litter of children eleven born on the same day June 22 none lived long still infants when they died

The constant discussion over the Twilight Saga as an example, or “proof” that these are facts then Facebook may be more appropriate for you. Taylor Lautner is not a Native actor and Robert Pattinson came into the acting scene in Harry Potter, for crying out loud! I already read some things, and before I share my own experience (which may provide answers for some of you, and vice versa) I will go through everything. I am not somebody with a ton of time on her hands, just looking for a place to relate to others who have similar experiences.

On a side note, those who are saying things such as “this sounds cool” or “I’d like to learn more, I believe in it!” This isn’t Santa Claus or the Easter Bunny. I don’t mean to sound “nasty”, just firm regarding my point of view. For those who are serious, I will be happy to talk over email, Facebook, phone, etc. upon request. I am not giving personal info out right away, aside from the fact that I live in CT (by the woods, but not on the Mohegan or Pequot reservations).

Most of you have no idea what being a wolf is about. Love my Native bros out there, kicking some butt with the truth, and calling people out! I am Shawnee and Sauk. Our people have stories that go way back into history of the werewolf, but we do not talk about them much and we certainly do not share them with outsiders. There are several ways that a person can “shift”. For Angie, you may have a closeness with the wolf, it may be a spirit helper of some sort. I do not feel like you are a “werewolf”. Our people accept it for what it is, and we leave it alone. Kind of like the whole Sasquatch thing. Sasquatch has always been, and it has a purpose here. leave it alone. Always be careful about what you wish you were, or want to be… there are consequences to everything and “shapeshifting” is not something to be toyed with. You better have the power and the ancient knowledge before you go delving into something that you may regret. For those of you who are true wolves out there…love, peace, and kinship. For those of you who “think you may be a wolf”…you will know if you are. It is something that you are born with. Trace your heritage back, talk to elders of your family, see if someone has had similar instances. “Changing is a gift, and can also be a curse. With the good, always comes the bad…. Follow your hearts good people, and don’t forget to go howl at the moon! Love, light and peace to you all and good luck on your endeavors.

Susan do you know if you can be bitten and turned? I have heard you can :).


Assista o vídeo: As 7 Melhores transformações de lobisomem dos cinemas (Dezembro 2021).