Podcasts de história

Jacob Jones I DD- 61 - História

Jacob Jones I DD- 61 - História

Jacob Jones I

(DD-61: dp. 1.160; 1. 316'3 "; b. 30'7"; dr. 9'9 "; s. 30 k ..
cpl. 99; uma. 4 4 ", 8 21" tt .; cl. Tucker)

O primeiro Jacob Jones (DD-61) foi lançado em 3 de agosto de 1914 pela New York Shipbuildir7g Corp .. Camden, N.J .: lançado em 29 de maio de 1916; patrocinador (l hv 3 rs. Jerome Parker Crittendon, bisneta de .Jacob Jones; e
encomendado em 10 de fevereiro de 191ss, tenente Gomdr. W. S. Pye no comando.

Após o shakedown, Jacob Jone 'começou os exercícios de treinamento da costa da Nova Inglaterra até entrar no Estaleiro da Marinha da Filadélfia para reparos. Com a eclosão da guerra entre os Estados Unidos e a Alemanha em 6 de abril de 1917, Jacob Jones patrulhou a costa da Virgínia antes de partir de Boston para a Europa em 7 de maio.

Chegando a Queenstown, Irlanda, em 17 de maio, ela imediatamente começou a patrulhar e escoltar o serviço de escolta nas águas do United Ringdom. Em 8 de julho, ela resgatou 44 sobreviventes do navio a vapor britânico Valetta, vítima de um submarino alemão. Duas semanas depois, enquanto escoltava o navio a vapor britânico Dafila, Jacob Jones avistou um periscópio; mas o navio a vapor foi torpedeado antes que um ataque ao submarino pudesse ser lançado. Mais uma vez, um navio de resgate, Jacob Jones ~ levou a bordo 25 sobreviventes do Dapfila atingido.

Durante todo o verão, o contratorpedeiro escoltou comboios de supplyladen e continuou as operações de resgate em águas infestadas de submarinos. Em 19 de outubro, ela resgatou 305 sobreviventes do cruzador britânico torpedeado Orama. Após serviço especial de escolta entre a Irlanda e a França, ela partiu de Brest, França, em 6 de dezembro, em sua viagem de volta a Queenstown. Em 1621, enquanto ela navegava independentemente nas proximidades das ilhas de Scilly, seu relógio avistou uma esteira de torpedo a cerca de mil metros de distância. Embora o contratorpedeiro manobrou para escapar, o torpedo de alta velocidade atingiu seu lado estibordo, rompendo seu tanque de óleo combustível. A tripulação trabalhou corajosamente para salvar o navio; mas quando a popa afundou, suas cargas de profundidade explodiram. Percebendo a situação desesperadora, Comdr. Bagley relutantemente ordenou que o navio fosse abandonado. Oito minutos depois de ser torpedeado, Jacob Jones afundou com 64 homens ainda a bordo.

Os 38 sobreviventes amontoados em jangadas e barcos nas águas geladas do Atlântico ao largo da costa sudoeste da Inglaterra. Dois de sua tripulação foram feitos prisioneiros ao atacar o submarino U-58 comandado por Kapitan Hans Rose. Em um gesto humanitário raro na guerra moderna, Rose comunicou pelo rádio à base americana em Queenstown a localização aproximada e a tendência dos sobreviventes. Durante a noite de 6 para 7 de dezembro, o saveiro de guerra britânico Camellia e o transatlântico britânico Catalina conduziram operações de resgate. Às 8h30 da manhã seguinte, o HMS Insolent recolheu os últimos sobreviventes de Jacob Jones.


Jacob Jones I DD- 61 - História

USS Jacob Jones, um contratorpedeiro da classe Tucker de 1150 toneladas construído em Camden, New Jersey, foi comissionado em fevereiro de 1916. Ela serviu ao longo da Costa Leste durante o ano seguinte e conduziu patrulhas de guerra na mesma área por um mês após os Estados Unidos. Entrada em abril de 1917 na Primeira Guerra Mundial. Em maio de 1917, Jacob Jones cruzou o Atlântico para iniciar patrulhas anti-submarinas e trabalho de escolta de comboio para fora de Queenstown, Irlanda. Ela resgatou sobreviventes de vários navios torpedeados durante os próximos meses. Em 6 de dezembro de 1917, enquanto viajava de Brest, França, para Queenstown, o USS Jacob Jones foi torpedeado e afundado pelo submarino alemão U-53. Seus sobreviventes foram resgatados por navios britânicos depois que o oficial comandante do submarino alemão, o ousado e muito bem-sucedido Hans Rose, relatou sua localização por rádio.

USS Jacob Jones foi nomeado em homenagem ao Comodoro Jacob Jones, USN, (1768-1850), um herói naval da Guerra de 1812.

Esta página apresenta todas as visualizações relacionadas ao USS Jacob Jones (Destroyer # 61).

Se desejar reproduções de resolução mais alta do que as imagens digitais apresentadas aqui, consulte: & quotComo obter reproduções fotográficas. & Quot

Clique na pequena fotografia para obter uma visão ampliada da mesma imagem.

USS Jacob Jones (Destroyer # 61)

Em andamento em 1916, logo após sua conclusão.

Fotografia do Centro Histórico Naval dos EUA.

Imagem online: 79 KB 740 x 445 pixels

USS Melville (Destroyer Tender # 2)

Cuidando de contratorpedeiros da Marinha dos EUA em Queenstown, Irlanda, 1917.
Os destruidores presentes incluem (da esquerda para a direita):
USS Jacob Jones (Destroyer # 61)
USS Ericsson (Destroyer # 56)
USS Wadsworth (Destroyer # 60)
e um navio não identificado.

Fotografia do Centro Histórico Naval dos EUA.

Imagem online: 77 KB 740 x 510 pixels

Foto nº: Smithsonian 72-4509-A

USS Jacob Jones (Destroyer # 61)

Afundando nas ilhas Scilly, Inglaterra, em 6 de dezembro de 1917, depois de ser torpedeado pelo submarino alemão U-53.
Fotografado pelo marinheiro William G. Ellis.

Fotografia da Instituição Smithsonian.

Imagem online: 70 KB 740 x 470 pixels

Tenente (grau júnior) Stanton F. Kalk, USN

Pintura de F. Luis Mora, retratando o Tenente (JG) Kalk auxiliando os sobreviventes do USS Jacob Jones (Destruidor # 61) depois que ela foi afundada pelo submarino alemão U-53 ao largo das Ilhas Scilly em 6 de dezembro de 1917.
Uma placa que acompanha esta pintura dizia: & quotO Jacob Jones foi afundado por um torpedo inimigo entre Brest e Queenstown. Tenente (jg) S.F. Kalk prestou serviços notáveis ​​e galantes depois que o navio afundou, ajudando homens de uma jangada a outra, de modo a equilibrar o peso nas jangadas. Ele morreu de exposição e exaustão para salvar outras pessoas. O Tenente (jg) Kalk foi condecorado postumamente com a Medalha de Serviço Distinto. & Quot

Fotografia do Centro Histórico Naval dos EUA.

Imagem online: 75 KB 740 x 505 pixels

USS Jacob Jones (Destroyer # 61)

Sobreviventes do navio seguindo seu resgate. Jacob Jones foi afundado nas ilhas Scilly pelo submarino alemão U-53, em 6 de dezembro de 1917.


EUA JACOB JONES

USS Jacob Jones recebeu o nome em homenagem ao Comodoro Jacob Jones, que foi um herói da Marinha na Guerra de 1812. A Marinha a colocou em serviço em outubro de 1919. Suas viagens iniciais foram no Atlântico, mas ela relatou no início de 1920 para servir em o Pacífico. Ela teve um bom desempenho até que a Marinha a descomissionou em junho de 1922. A Marinha a trouxe de volta ao serviço ativo em maio de 1930. Após a reativação, ela serviu por alguns anos no Pacífico e no Caribe antes de trabalhar o resto da década de 1930 no Atlântico.

No final de 1938, USS Jacob Jones entrou em águas europeias e do norte da África como parte do Esquadrão 40-T. Com o início da Segunda Guerra Mundial na Europa, ela voltou às águas dos Estados Unidos para fazer Patrulhas de Neutralidade junto com o trabalho de submarino. Quando os Estados Unidos entraram na guerra em dezembro de 1941, o USS Jacob Jones forneceu escolta de comboio para fora de Newfoundland. Em fevereiro de 1942, ela iniciou a patrulha submarina ao longo da Costa Leste. Em 28 de fevereiro daquele ano, o submarino alemão U-578 atingiu-a com pelo menos dois torpedos. O navio fortemente danificado afundou. Apenas um total de onze sobreviveram à explosão e exposição subsequente.


Jacob Jones I DD- 61 - História

Três meses de idade Jacob Jones bloqueou através do Canal do Panamá em 1920. Visualize esta e outras cinco imagens em detalhes.

Estabelecido em 21 de fevereiro de 1918, lançado em 20 de novembro e comissionado em 20 de outubro de 1919, o novo navio operou brevemente no Atlântico, depois se juntou à Frota do Pacífico em janeiro de 1920. Exceto por um período na reserva entre agosto de 1920 e junho de 1921, ele esteve ativo ao longo a costa oeste até a desativação e desativação em junho de 1922.

O & ldquoJakie & rdquo reativado em maio de 1930, um dos 60 decks de descarga desativados voltou ao serviço em um programa de colisão para substituir um número semelhante de navios descobertos como impróprios para o serviço ativo. Até a primavera de 1933, ela operou no Pacífico oriental com uma excursão no Caribe e depois mudou-se definitivamente para o Atlântico.

Jacob Jones cruzou o Atlântico no final de 1938 para se juntar ao Esquadrão 40-T, com sede em Lisboa, com cruzador de quatro pilhas Trenton e destruidor Texugo. Eles operaram "no Mediterrâneo Ocidental com o propósito de cultivar relações amistosas e proteger os interesses americanos", mas retornaram aos Estados Unidos em outubro de 1939, após o início da Segunda Guerra Mundial no mês anterior.

A eclosão da Segunda Guerra Mundial na Europa em 1939 sinalizou o início de um ataque de submarino alemão contra a estratégia de transporte marítimo transatlântico e mdasha vista pela primeira vez durante a Primeira Guerra Mundial. Em janeiro de 1942, os aliados haviam adotado uma resposta preliminar: um sistema de comboio com um nível aceitável de proteção , possibilitada pela implantação de todas as embarcações de escolta disponíveis neste serviço. Naquele mês, os comboios transatlânticos perderam apenas três navios mercantes. Desprotegido, entretanto, estava o transporte mercantil ao longo da costa leste da América e do Sul.

& ldquoNenhuma configuração mais perfeita para destruição rápida e implacável poderia ter sido oferecida aos senhores do mar nazistas & hellip & lsquoO massacre desfrutado pelos submarinos ao longo de nossa costa atlântica em 1942 foi um desastre nacional tanto quanto se sabotadores tivessem destruído meia dúzia de nossos maiores plantas de guerra & rsquo. & rdquo
& mdash Morison

Comandando a fronteira marítima oriental e o território mdasha da fronteira canadense a Jacksonville, Flórida e da costa a 320 quilômetros em direção ao mar, e mdashwas VAdm. Adolphus (& ldquoDolly & rdquo) Andrews, que confiscou todos os caças, embarcações de patrulha, traineira armada, iates e aeronaves de patrulha disponíveis. Mas esses recursos & mdashon de que o sistema de comboio dependia & mdashwer e escassos quando a Alemanha declarou guerra aos Estados Unidos em 11 de dezembro de 1941. No dia seguinte, Hitler ordenou uma blitz contra a navegação indefesa da costa leste conhecida como Operação Paukenschlag (& ldquoDrumbeat & rdquo).

Seis submarinos chegaram à costa leste em janeiro de 1942. Lá eles começaram a afundar navios mercantes à razão de um por dia. Até abril, conforme seu número crescia, os submarinos afundaram 82 navios mercantes na fronteira oriental do mar e mais 55 na área das Bermudas, nenhum dos quais estava em comboio.

Desesperado, o almirante Andrews pediu quinze destróieres e foi-lhe atribuído sete como destacamento temporário para conduzir patrulhas de controle. & Rdquo Estas se revelaram ineficazes & mdashJacob Jones tornou-se uma vítima imediata e seu único naufrágio foi Roperdestruição de & rsquos de U-85 por tiros em meados de abril.

Em maio, no entanto, com um número adequado de escoltas finalmente disponíveis, o sistema de comboio foi adotado de Halifax a Key West e o número de perdas caiu para cinco. Como a preponderância de naufrágios mudou para o sul, para o Golfo do México e Caribe, junho foi o último mês em que mais de seis navios mercantes foram perdidos na fronteira marítima oriental.

Anexado ao Destroyer Squadron (DesRon) 27, Jacob Jones foi atribuído com as irmãs DesDiv 54 Roper, Dickerson e Herbert para a Atlantic Coast Sound School em sua reorganização em Key West, Flórida, em dezembro de 1940. Durante os dois anos seguintes, ela também participou de Patrulhas de Neutralidade na costa leste e na área do Caribe e, com a entrada dos Estados Unidos na Segunda Guerra Mundial em dezembro de 1941, começou a escoltar comboios de Argentia, Newfoundland.

Em fevereiro de 1942, sob o comando do LCdr. Hugh D. Black e o diretor executivo LCdr. Thomas W. Marshall, Jr., Jacob Jones tornou-se o primeiro contratorpedeiro designado para patrulhas anti-submarinas itinerantes na costa leste. Mesmo antes de limpar o canal de entrada de Nova York em sua primeira patrulha, ela contatou e atacou um submarino. Embora uma mancha de óleo sugerisse sucesso, os registros alemães do pós-guerra não mostraram nenhum submarino perdido naquela época.

Estando fora do porto de Nova York novamente em 27 de fevereiro, o & ldquoJakie & rdquo foi originalmente designado para patrulhar entre New Jersey & rsquos Barnegat Light e Five Fathom Bank ao largo de Cape May, então ordenou ao sul para a área de Cape May e Delaware Capes. No caminho, ela encontrou os destroços à deriva do navio-tanque de 7.451 toneladas R. P. Resor, torpedeado naquela manhã por U- 578. Depois de parar por duas horas para procurar sobreviventes, ela retomou sua patrulha para o sudoeste.

Antes do amanhecer da manhã seguinte, Jacob Jones ela mesma encontrou U-578, mas sem fazer contato. Sem aviso, dois torpedos atingiram seu lado bombordo. Um detonou seu pente para a frente, destruindo tudo e todos à frente da pilha número 2. O segundo atingiu a popa, obliterando tudo a ré do ponto de impacto. Pode ter havido um terceiro.

Jacob Jones& rsquo vítimas, 28 de fevereiro de 1942.

Fonte: Relatório de acidentes do Bureau of Personnel, NARA.

Estima-se que 30 oficiais e homens abandonaram o navio. Cargas de profundidade explodiram quando ela afundou, no entanto, matando muitos na água e mdashnone de seus sete oficiais e apenas onze de seus homens sobreviveram. Um avião de observação do exército avistou suas jangadas e relatou sua posição para Eagle 56 da patrulha costeira, que resgatou os sobreviventes 4 & ndash5 horas depois e os levou para Cape May.

Em 1943, Fletcher- destruidores de classe Preto (DD 666) e Marshall (DD 676) foram nomeados em homenagem a seu CO e XO e lançados na Federal Shipbuilding & amp Dry Dock Co., Kearny, New Jersey. O primeiro Edsall- escolta de destróier de classe estabelecida, DE 130, também foi nomeada Jacob Jones.

Hoje, Jacob Jones& rsquo permanece a uma profundidade de 120 & ndash130 pés. Sua proa e popa estão destruídas, mas seu meio é reconhecível, com caldeiras e turbinas visíveis e torpedos em seus tubos.

Fontes: Morison, vol. I and X Roscoe Veigele, PC Patrol Craft da Segunda Guerra Mundial Wilde.


Jacob Jones I DD- 61 - História

O primeiro Jacob Jones (DD-61) foi lançado em 3 de agosto de 1914 pela New York Shipbuilding Corp .. Camden, NJ: lançado em 29 de maio de 1916, patrocinado pela Sra. Jerome Parker Crittendon, bisneta de Jacob Jones e encomendado em 10 de fevereiro de 1917, Tenente Comandante W. S. Pye no comando. Estava destinado a ser o primeiro contratorpedeiro americano perdido para o fogo inimigo.

Após o shakedown, Jacob Jones começou a treinar exercícios na costa da Nova Inglaterra até entrar no Estaleiro da Marinha da Filadélfia para reparos. Com a eclosão da guerra entre os Estados Unidos e a Alemanha em 6 de abril de 1917, Jacob Jones patrulhou a costa da Virgínia antes de partir de Boston para a Europa em 7 de maio.

Chegando a Queenstown, Irlanda, em 17 de maio, ela imediatamente começou a patrulhar e escoltar o serviço de escolta nas águas do Reino Unido. Em 8 de julho, ela resgatou 44 sobreviventes do navio a vapor britânico Valetta, vítima de um submarino alemão. Duas semanas depois, enquanto escoltava o navio a vapor britânico Dafila, Jacob Jones avistou um periscópio, mas o navio foi torpedeado antes que um ataque ao submarino pudesse ser lançado. Mais uma vez um navio de resgate, Jacob Jones levou a bordo 25 sobreviventes do Dapfila atingido.

Durante todo o verão, o contratorpedeiro escoltou comboios carregados de suprimentos e continuou as operações de resgate em águas infestadas de submarinos. Em 19 de outubro, ela resgatou 305 sobreviventes do cruzador britânico torpedeado Orama. Após serviço especial de escolta entre a Irlanda e a França, ela partiu de Brest, França, em 6 de dezembro, em sua viagem de volta a Queenstown. Em 1621, enquanto ela navegava independentemente nas proximidades das ilhas de Scilly, seu relógio avistou uma esteira de torpedo a cerca de mil metros de distância. Embora o contratorpedeiro manobrou para escapar, o torpedo de alta velocidade atingiu seu lado estibordo, rompendo seu tanque de óleo combustível. A tripulação trabalhou corajosamente para salvar o navio, mas quando a popa afundou, suas cargas de profundidade explodiram. Percebendo a situação desesperadora, Comdr. Bagley relutantemente ordenou que o navio fosse abandonado. Oito minutos depois de ser torpedeado, Jacob Jones afundou com 64 homens ainda a bordo.

Os 38 sobreviventes amontoaram-se em jangadas e barcos nas águas geladas do Atlântico na costa sudoeste da Inglaterra. Dois de seus tripulantes foram feitos prisioneiros ao atacar o submarino U-53 comandado por Kapitan Hans Rose. Em um gesto humanitário raro na guerra moderna, Rose comunicou pelo rádio à base americana em Queenstown a localização aproximada e a tendência dos sobreviventes. Durante a noite de 6 para 7 de dezembro, o saveiro de guerra britânico Camellia e o transatlântico britânico Catalina conduziram operações de resgate. Às 8h30 da manhã seguinte, o HMS Insolent recolheu os últimos sobreviventes de Jacob Jones.


USS Jacob Jones (DD 130)


Fotografia do Centro Histórico Naval dos EUA # NH52165

Concluído em outubro de 1919 e já descomissionado em 1922. 1930 recomissionado e utilizado principalmente na Frota do Atlântico. De 1936 a 1939 no Esquadrão 40-T, para proteger os interesses americanos na Guerra Civil Espanhola. 1940 Neutrality Patrol. Desde 1941 em serviço de escolta no Atlântico Norte.

Em janeiro de 1942, o destróier atacou um submarino não identificado enquanto escoltava o comboio SC-63 sem resultados visíveis. Mais tarde, escoltou o comboio HX-169 e, em 2 de fevereiro, o contratorpedeiro atacou outro contato de submarino, enquanto escoltava um comerciante norueguês, novamente sem resultados, e então escoltou o comboio ON-59. Em 22 de fevereiro, o destróier atacou um possível submarino ao largo do navio Ambrose Light por cinco horas em 12 ataques, derrubando todas as 57 cargas de profundidade, mas apenas algumas manchas de óleo foram vistas na superfície.

Na manhã de 27 de fevereiro de 1942 USS Jacob Jones (DD 130) (LtCdr Hugh David Black, USN) partiu de Nova York sozinho para patrulhar e fazer buscas na área entre Barnegat Light e Five Fathoms Bank. Ela então recebeu ordens para concentrar sua atividade de patrulha nas águas de Cape May e Delaware Capes. À tarde, o destruidor avistou os destroços em chamas do R.P. Resor que havia sido torpedeado pelo U-578. O destróier circulou o navio-tanque por duas horas, em busca de sobreviventes antes de retomar seu curso para o sul.

Às 10,57 horas do dia 28 de fevereiro, USS Jacob Jones foi atingido por dois torpedos do U-578 enquanto prosseguia completamente apagado a 15 nós. O primeiro torpedo atingiu a bombordo logo atrás da ponte e acendeu o carregador do navio. A explosão destruiu completamente a ponte, a sala de mapas e os aposentos dos oficiais e suboficiais. Quando o navio parou, o segundo torpedo atingiu a bombordo cerca de 40 pés à frente da cauda de leque e levou a parte de trás do navio acima das placas da quilha e poços e destruiu os aposentos da tripulação de ré. O navio permaneceu flutuando por 45 minutos, permitindo que cerca de 30 sobreviventes abandonassem o navio em quatro ou cinco jangadas. Mas quando a popa afundou, as cargas de profundidade não protegidas explodiram, matando vários sobreviventes em uma jangada próxima. Algumas horas depois, um avião de observação do Exército dos EUA avistou os botes salva-vidas e relatou sua posição ao USS PE-56 na Patrulha Inshore. A nave-patrulha foi forçada a abandonar sua busca após três horas, devido aos fortes ventos e à elevação do mar. Ela pegou doze sobreviventes, mas um deles morreu a caminho de Cape May. A busca por sobreviventes continuou por dois dias, mas foi infrutífera.

Local de ataque em USS Jacob Jones (DD 130).

navio afundado.

Se você puder nos ajudar com qualquer informação adicional sobre esta embarcação, entre em contato conosco.


Conteúdo

Jacob Jones foi autorizado em 1913 como o quinto navio da Tucker& # 160classe que, como o relacionado O'Brien& # 160class, era uma versão melhorada do Cassin-class & # 160destrroyers autorizados em 1911. A construção do navio foi adjudicada à New York Shipbuilding de Camden, New Jersey, que baixou a quilha em 3 & # 160 de agosto de 1914. Dez meses depois, em 29 e # 160 de maio de 1915, Jacob Jones foi lançado pelo patrocinador Sra. Jerome Parker Crittendon, bisneta do homônimo do navio, Commodore Jacob Jones (1768-1850), um oficial da Marinha dos EUA durante a Guerra de 1812. & # 911 & # 93 Conforme construído, Jacob Jones tinha 315 & # 160 pés 3 & # 160 polegadas (96,09 & # 160m) de comprimento e 30 & # 160 pés 6 & # 160 polegadas (9,30 & # 160m) ao lado e desenhou 9 & # 160 pés 8 & # 160 polegadas (2,95 & # 160m). O navio teve um deslocamento padrão de 1.060 toneladas longas (1.080 & # 160t) e deslocou 1.205 toneladas longas (1.224 & # 160t) quando totalmente carregado. & # 912 e # 93

Jacob Jones tinha duas turbinas a vapor Curtis que acionavam suas duas hélices de parafuso e uma turbina a vapor adicional engrenada em um dos eixos da hélice para fins de cruzeiro. A usina poderia gerar 17.000 cavalos de força (13.000 e # 160 kW) e mover o navio a velocidades de até 30 nós (56 e # 160 km / h). & # 911 & # 93 & # 912 & # 93

Jacob Jones & # 39 bateria principal consistia em quatro armas de 4 polegadas (102 & # 160 mm) / 50 Mark 9, & # 911 & # 93 & # 915 & # 93 & # 91Note 2 & # 93 com cada arma pesando mais de 6.100 libras (2.800 e # 160kg). & # 915 & # 93 Os canhões dispararam projéteis perfurantes de armadura de 33 libras (15 & # 160kg) a 2.900 pés por segundo (880 & # 160m / s). A uma elevação de 20 °, os canhões alcançaram 15.920 jardas (14.560 & # 160m). & # 915 e # 93

Jacob Jones também foi equipado com oito tubos de torpedo de 21 polegadas (533 e # 160 mm). O Conselho Geral da Marinha dos Estados Unidos havia convocado dois canhões antiaéreos para o Tucker- navios da classe, bem como provisões para colocar até 36 minas flutuantes. & # 912 & # 93 Das fontes, não está claro se essas recomendações foram seguidas para Jacob Jones ou qualquer um dos outros navios da classe.


Projekt i budowa

& # x201EJacob Jones & # x201D zosta & # x142 zatwierdzony do budowy w 1913 roku [2] jako pi & # x105ta jednostka typu Tucker, kt & # xF3re podobnie jak okr & # x119ty typu O & # x2019Brien por & # x142y ulepszon & # x105 wersj & # x105 niszczycieli typu Cassin, zatwierdzonych do budowy w 1911 roku. Budowa okr & # x119tu zosta & # x142a przydzielona stoczni New York Shipbuilding z Camden, w kt & # xF3rej uzyska & # x142 numer stoczniowy 150 [4]. St & # x119pk & # x119 po & # x142o & # x17Cono 3 sierpnia 1914 roku. Dziesi & # x119 & # x107 miesi & # x119cy p & # xF3 & # x17Aniej, 29 maja 1915 roku okr & # x119t zosta & # x142 zwodowany, matk & # x105 chrzestn & # x105 zostaonesa & # x142a kawitoba kawitona e # x142a panucendoba parque Jawtona kawittu krendona kraprittu # x142a panucrome: kawtona kraprittu 11 pataprittome 11 x142a kawittome kraprittome11 praiano. 1768 e # x20131850), oficera US Navy [1].

& # x201EJacob Jones & # x201D por & # x142 wyposa & # x17Cony w dwie turbiny parowe Curtisa, kt & # xF3re z kolei nap & # x119dza & # x142y dwie & # x15Bruby. Okr & # x119t por & # x142 tak & # x17Ce wyposa & # x17Cony w dodatkow & # x105 turbin & # x119 parow & # x105 nap & # x119dzaj & # x105c & # x105 jedn & # x105 ze & # x10Brubkor9 # x105 zyci & # x15Brubwan5 xzystwan & # x10Brubub x105 ekonomiczn & # x105. Maszynownia mog & # x142a wygenerowa & # x107 moc 17 & # xA0000 & # xA0shp i rozp & # x119dzi & # x107 okr & # x119t do pr & # x119dko & # x15Bci 30 w & # x119z & # x142 & # xF3 [1].

G & # x142 & # xF3wna artyleria okr & # x119tu sk & # x142ada & # x142a si & # x119 z 4 dzia & # x142 kal. 102 mm L / 50 Mark 9 [1] [5] [b]. Ka & # x17Cde dzia & # x142o wa & # x17Cy & # x142o ponad 2800 kg [5]. Dzia & # x142a wystrzeliwa & # x142y 15 kilogramowe pociski przeciwpancerne z pr & # x119dko & # x15Bci & # x105 pocz & # x105tkow & # x105 880 m / s. Przy podniesieniu luf r & # xF3wnym 20 & # xB0 pociski mia & # x142y zasi & # x119g 14 & # xA0560 & # xA0metr & # xF3w [5].

& # x201EJacob Jones & # x201D por & # x142 tak & # x17Ce wyposa & # x17Cony w osiem wyrzutni torped kal. 533 mm. Conselho Geral da Marinha dos Estados Unidos nawo & # x142ywa & # x142a do umieszczenia dw & # xF3ch dzia & # x142 przeciwlotniczych na ka & # x17Cdej jednostce typu Tucker, a tak & # x17Ce zapewnienie mo & # x17Cliwo & # x15Bci postawienia 36 min morskich [2]. & # x179r & # xF3d & # x142a nie podaj & # x105 jednak, czy te rekomendacje zosta & # x142y wprowadzone w & # x17Cycie na & # x201EJacob Jones & # x201D lub innej jednostce tegou typ.


Nascimentos e batismos paroquiais

  • 1 de julho de 1837 - Introdução do Registro Civil Geral de Nascimentos, Casamentos e Mortes na Inglaterra e País de Gales
  • Pré-1875 - cerca de 6 a 10% dos nascimentos NÃO registrados
  • 1875 aplicação mais rigorosa do registro obrigatório
  • Trimestre de setembro de 1837 a trimestre de junho de 1911 - apenas os dois primeiros nomes próprios completos, iniciais subsequentes, distrito de registro e número de referência
  • Trimestre de setembro de 1911 até o presente - apenas o primeiro nome próprio, iniciais subsequentes, distrito de registro e número, mas também inclui o sobrenome de solteira da mãe.

Jacob Jones I DD- 61 - História

A expedição malfadada do general Braddock (um esboço interessante da qual será encontrado em outra parte desta obra, no capítulo sobre a guerra francesa e indiana), sem dúvida, exerceu uma influência poderosa na colonização inicial de Allegany. As forças se encontraram em Fort Cumberland, onde permaneceram por um tempo considerável, e a expedição passou pelo coração do condado indo e voltando. Muitos dos apegados a ela permaneceram nesta seção permanentemente, enquanto outros, atraídos pelos recursos naturais da região, ou retornaram mais tarde e se estabeleceram em Allegany, ou induziram outros a fazê-lo. Além disso, uma quantidade de exploração foi realizada, o que teria exigido muitos anos pelo processo mais lento da empresa individual, e assim será percebido como muitas vezes os benefícios surgem daqueles eventos que na época são considerados infortúnios irrestritos. Os pontos mais disponíveis para cruzar as montanhas íngremes e escarpadas foram em muitos casos determinados e os lugares rasos nos rios e riachos, determinados. Localidades que desde então se tornaram proeminentes na história do condado foram trazidas à tona na época. "Little Meadows" e "Great Meadows", "Little Crossings" e "Great Crossings", figuram com destaque na marcha de Braddock por esta parte de Maryland. As experiências de Washington e de outros engenheiros ligados à expedição sem dúvida lançaram as bases para a grande rodovia nacional que foi posteriormente construída através da parte do Estado.

Um inglês chamado Evart foi o primeiro homem branco a penetrar nos confins das regiões montanhosas do condado de Allegany, que deram o nome de Evart's, ou como agora é geralmente escrito, Evitt's, Creek e Evitt's Mountain. Evart construiu sua cabana no topo da montanha de Evitt, no ponto onde Evitt's Creek contorna seu ponto íngreme e acidentado, cerca de 11 quilômetros a leste de Cumberland e cerca de seis ou sete do vale do Potomac, - a trilha indígena de Conococheague até o Oeste. Uma parte da rude chaminé de sua cabana ainda está remanescente. Ele morreu antes de 1749, época em que os assentamentos brancos não haviam penetrado mais a oeste do que Conococheague, agora no condado de Washington, e mesmo lá a luta feroz pela posse do país ainda estava acontecendo entre brancos e aborígenes.

Algumas dificuldades foram lançadas no caminho de genuíno colonos, aliás, pela ação do último proprietário de Maryland. Ele ordenou que nenhuma garantia de terra fosse emitida até que dez mil acres tivessem sido examinados para ele no território a oeste de Fort Cumberland. No esforço de satisfazer seus desejos, 127.680 acres foram pesquisados ​​em diferentes setores. O conselho de juízes do Land Office foi posteriormente notificado de que a proibição já não existia e, como às vezes acontece nesta era iluminada, um trabalho foi desenvolvido, ou pelo menos fortemente suspeitado. Observe que o Land Office foi aberto para o aperfeiçoamento dos títulos, foi dado de tal forma que aqueles que enfrentaram as labutas e perigos da vida para estabelecer um lar para si e suas famílias não poderiam se valer dele a tempo de garantir os frutos de seu empreendimento, enquanto a classe mais rica de especuladores nas proximidades da sede do governo foi habilitada a se apropriar, para usar um termo mais moderno, das terras mais valiosas pertencentes ao domínio público. O Sr. Jenifer, o agente do proprietário, expôs totalmente a injustiça do conselho, e uma forte polêmica se seguiu, da qual o agente emergiu com louvor, e regras foram estabelecidas para a governança de todo o assunto que assegurava os direitos dos primeiros colonos. As instruções anteriores do proprietário, no entanto, sem dúvida tiveram o efeito de retardar a emigração para esta parte da província.

A liquidação do condado data antes da formação da "Companhia de Ohio". O coronel Thomas Cresap, o ousado pioneiro e guerreiro indígena, localizou-se em Oldtown, na bifurcação norte do Potomac, com sua própria e outras famílias, em 1741. Em 15 de janeiro de 1755, o governador proprietário, Horatio Sharpe, acompanhado por Sir John St. Clair, partiu de Annapolis para visitar o acampamento em Mount Pleasant, em Will's Creek, e voltou em 2 de fevereiro. Eles encontraram o assentamento próspero, apesar da aparência ameaçada dos índios. Em 1756, Fort Cumberland (“Mount Pleasant”) montou dez carruagens de canhão e continha uma guarnição de quatrocentos homens, e em 5 de maio daquele ano o capitão Dagworthy estava no comando.

Em 11 de fevereiro de 1762, uma comunicação foi publicada no Maryland Gazette chamando a atenção do público para as grandes vantagens que surgiriam da "abertura do Rio Potomac, e tornando-o transitável para pequenas embarcações de Fort Cumberland, em Will's Creek, até Great Falls", o que facilitaria o comércio de Maryland e Virginia, e pedindo assinaturas, que deveriam ser pagas ao coronel George Mercer e ao coronel Thomas Prather, tesoureiros.

Os seguintes foram nomeados gerentes e autorizados a solicitar assinaturas: na Virgínia, George Mercer, Jacob Hite, William Ramsay, John Carlyle, John Hite, Joseph Watson, James Keith, James Hamilton, John Hough, John Patterson e Abraham Hite em Maryland, Rev. Thomas Bacon, Dr. David Ross, Christopher Lowndes, Thomas Cresap, Benjamin Chambers, Jonathan Hager, Thomas Prather, John Cary, Caspar Shaaf, Robert Peter e Evan Shelby, oito dos quais foram um número suficiente para prosseguir com os negócios . A primeira reunião foi realizada em Frederick Town, em maio de 1762.

Com o fim da guerra francesa e indiana, os assentamentos aumentaram rapidamente até a Revolução, quando a imigração praticamente cessou. Após a paz de 1783, novos colonos vieram dos antigos condados do estado, da Pensilvânia e da Virgínia, e da Europa. A população aumentou a tal ponto que os habitantes ficaram cansados ​​e impacientes de ir tão longe até Hagerstown para negociar sua corte e outros negócios públicos, e agitaram a questão de um novo condado, com a sede do condado em Cumberland.

A seguir está uma lista de colonos localizados em 1788 nas terras situadas em Maryland, a oeste de Fort Cumberland:

William Ashby, Anthony Able, George Anderson, Patrick Burnes, Charles Boyles, Thomas Baker, Philip Bray, Mallner Burnstredder, John Beall, John Blair, John Brendage, Peter Bonham, Norman Bruce, Daniel Cresap, Sr., Daniel Cresap, Jr. , Robert Cresap, James Cresap, Joseph Cresap, John Durbin, Aaron Duckworth, Nicholas Durbin, William Durhane, John Doomer, Joseph Davis, Steven Davis, Levi Davis, Samuel Dawson, Sênior, Samuel Elliott, Adam Eckhart, John Ervin, Herman Frazee, Joseph Frost, George Fegenbaker, Briant Gaines, Edward Grimes, Paul Grim, John Great, Benjamin Green, Sam. Humphreys, Edward Huston, James Henderson, John House, Ralph Adams, John Arnold, de A., John Arnold, de John, Andrew Bruce, William Barnes, Michael Beeme, Benjamin Brady, John Buhman, Ben. John Biggs, Frederick Bray, Thomas Barkus, George Barkus, Samuel Barrell, William Coddington, Peter Crawl, Thomas Cordray, Henry Crosley, John Cruise, Samuel Dawson, Jr., William Dawson, Sênior, William Dawson Jr., Edward Dawson , Sr., Edward Dawson, Jr., Thomas Dawson, Joseph Dye, Barney Dewitt, Terence Dyal, John Elbin, Samuel Ellison, John Eckhart, John Firman, John Friend, Gabriel Friend, Richard Green, Daniel Green, Thomas Greenwade, Salathiel Goff, John T. Goff, Andrew House, Elisha Hall, John Harshan, Moses Hall, Anthony Arnold, Moses Ayres, Sênior, Moses Ayres, Jr., Robert Boyd, Matthew Ball, Frederick Burgett, Josiah Bonham, Micijah Burnham, Amariah Bonham, John Brufly, John Buckholder, Jacob Beall, Nathan Corey, Godfrey Corbus, Edmund Cutler, Ely Clark, Michael Corn, Benjamin Coddington, Samuel Durbin, James Denison, Peter Doogan, Samuel Durbin, Edward Davis, Jacob Duttro, Sr., Jacob Duttro, Jr., Peter Devecmon, David Eaton, George Eckhart, Charles Friend, Hezekiah Frazier, Joseph Amigo, Harry Franks, George Fiddler, James C. Goff, Evan Gwynn, John Glasman, John Garey, John Glaze, Nicholas Holsbury, Charles Huddy, Richard Hall, George Harness, George Haver, William Howell, Paul Hoye, Robert Johnston, Evan James, Conrad Joleman, John Keyser, Henry Kite, John Lowdermilk, William Logsden, Daniel Levit, Jacob Lower, Rosemond Long, Joseph Lee, Stephen Masters, Gabriel McKinsy, John Matthews, Sr., John Magomery, Christopher Myers, James McMullen, Nathaniel Magruder, Josiah Magruder, Samuel McKinsy, Peter Nimirck, George Paine, Henry Porter, Moses Porter, George Preston, Henry Peters, John Purguson, Peter Poling, Stephen Pierson, Godfrey Richards, William Rideford, John Richards, John Rubast, Daniel Recknor , John Simpkins, Jacob Storm, George Sapp, John Steyer, Garrett Snedeger, John Strickler, Matthew Singleman, John Stuck, John Trotter, David Troxell, Peter Tittle, Sr., Ezekiel Totter, James Utter, Sr., James Utter, Jr . John Vanbuskirk, Moses Williams, Adam Hicksenb augh Benjamin Hull, Richard Harcourt, William Jones, John Jonas, William Jacobs, Jacob Koontz, Henry Kemp, George Laporte, William Logsden, Ralph Logsden, Elisha Logsden, John Lynn, Zachariah Linton, Henry Mattingly, Henry Myers, Philip Michael, Moses Munro, Josiah McKinsy, John Metz, James McPipe, Thomas Matthew, John Neff, Johannes Paugh, Robert Parker, Gabriel Powell, Nicholas Pittinger, Henry Pittinger, Hezekiah Pound, Martin Poling, Sr., John Price, John Ryan, John Rhoads, John Ratton, David Robertson, Adam Rhoads, Peter Stuck, William Show, Joseph Scott, Simon Speed, Matthew Snooke, John Seyler, William Stagg, James Schimer, Peter Tittle, Jr., Michael Tedrick, Jesse Tomlinson, John Trimble, William Utter, Thomas Umbertson, David Vansickle, William Wells, Samuel Hatton, Abraham Hite, Jacob Hazlewood, Samuel Jackson, William Jones, Jacob Kreger, John Kelly, Leonard Stimble, David Lee, John Liptz, Breton Levit, Jacob Lee, James Montain, William Moore, John Matthews, Jr., Jacob Mille r, Alexander Moore, Daniel Moore, Moses McKinsy, Daniel McKinsy, Conrad Millen, Elias Majors, John Nepton, Samuel Postlewait, Michael Paugh, Margaret Poling, John Porter, Samuel Poling, Martin Poling, Richard Poling, Charles Queen, Benjamin Rush, Enoch Read, Roger Robertson, Aaron Rice, Michael Raway, John Ragan, John Streets, Moses Spicer, Abel Serjeant, Adam Seigler, Jacob Seigler, Jacob Scutchfield, John Sibley, Frederick Thoxter, John Tomlinson, Jacob Trullinger, Moses Tilsonel, Richard Tilton, Charles Uhl, John Vincent, Henry Woodger, John Workman, Archibald White, Arthur Watson, Jesse Walter, John Wikoff, Alexander Wilhelm, George Wilhelm, Peter Wikoff, Jacob Wikoff, James Woodringer, Alpheus Wig-wire, George Waddle, Isaac Workman, Joseph Warnick, William Workman, James Wells, Peter Wells, Samuel Wikoff, George Winters, Andrew Workman, Jacob Workman, Stephan Workman, Thomas Williams, John Whiteman.

The General Assembly in 1777, as is shown elsewhere, enacted that a bounty of fifty acres should be granted to every able-bodied recruit who should serve three years in the American army, and one hundred acres to each recruiting officer who enlisted twenty men. By the act of 1781 these lands were to be located in the State west of Fort Cumberland. By the act of 1787, Francis Deakins was appointed to survey these lands, and his report showed that forty-one hundred and sixty-five lots of fifty acres each had been laid off, and that three hundred and twenty-three families were settled on six hundred and thirty-six of said lots already improved and cultivated. By the act of 1788 these settlers were allowed to purchase their lots at prices varying from five to twenty shillings per acre, in three equal payments of one, two, and three years. By subsequent acts the Maryland officers and soldiers were secured in the lots to which they were entitled for military services. The following is from the Maryland Journal of Friday, July 3, 1789:

“Notice is hereby given to the officers and soldiers of the Maryland Line, that a distribution of land will be made to them at Upper Marlborough, in Prince George’s County, on the 1st and 2d of August next, agreeably to an act of Assembly, and at the same time and place will be offered at public sale about one thousand lots of land, of fifty acres each, for ready money, or specie certificates of the State of Maryland. This land lies to the westward of Fort Cumberland. For a particular description thereof, apply to Capt. Daniel Cresap or Mr. John Tomlinson, who lives near the same.

At the session of the Legislature in 1789 a petition was presented asking for the erection of a new county, and the following act was passed on the 25th of December of that year:

“AN ACT for the division of Washington County, and for the erecting of a new one by the name of Allegany.

“WHEREAS, A number of the inhabitants of Washington County, by their petition to the General Assembly, have prayed that an act may pass for a division of said county by Sideling Hill Creek, and for the erection of a new one out of the western part thereof, and it appearing to this General Assembly that the erecting such a new county will conduce greatly to the due administration of justice and the speedy settling and improving the western part thereof, and the ease and convenience of the inhabitants thereof,

“II. Be it enacted by the General Assembly of Maryland, That all that part of Washington County which lies to the westward of Sideling Hill Creek shall be and is hereby erected into a new county, by the name of Allegany County, and the inhabitants thereof shall have, hold, and enjoy all such rights and privileges as are held and enjoyed by the inhabitants of any other county in this State.

“III. And be it enacted, That the County Court and Orphans’ Court for Allegany County shall be held at the town of Cumberland until the voters of said county, by election to be held as hereinafter provided, shall determine on some other place and until a place may be fixed on by the said election, and a court-house shall be built, the justices of said county may contract and agree at the county charge for a convenient place in the said town to hold their courts, and for a convenient place in the said town for the keeping of their books, papers, and records.

“IV. And be it enacted, That all causes, pleas, processes, and pleadings which now are or shall be depending in Washington County Court before the first Monday in December, 1790, shall and may be prosecuted as effectually in that court as if this act had not been made and in case any deeds or conveyances of land in that part of Washington County now called Allegany County have been or shall be, before the first Monday in December, 1790, acknowledged according to law, the enrollment or recording thereof in either of the said counties within the time limited by law shall be good and available.

“V. And be it enacted, That the county charge of Washington County heretofore assessed shall be collected and applied as if this act had not been made.

“VI. And be it enacted, That the County Court and Orphans’ Court of Allegany County shall first be held on the first Monday in April, 1791, and the said County Court be afterwards held on the first Monday in April and September, yearly, and the said Orphans’ Court shall be afterwards held on the second Monday in the months of June, August, October, and December, and the same courts shall have the same powers and jurisdiction respectively as other County and Orphans’ Courts within this State.

“VII. And be it enacted, That all civil causes to be brought in Allegany County shall be determined within two courts from the Appearance Court, and none shall continue longer, unless under such circumstances as civil causes in other County Courts may be continued longer than three courts from the Appearance Court.

“VIII. And be it enacted, That the Governor and Council be authorized and required to commission fit and proper persons as justices of the peace, and fit and proper persons as the Orphans’ Courts, as also surveyor and other officers, and that a fit and proper person be appointed by the Governor and Council sheriff of Allegany County, and be commissioned and qualified in the usual manner to continue in office until a new appointment shall take place in the other counties of this State, under an election according to the constitution and form of government.

“IX. And be it enacted, That at the first election to be held in the said county for sheriff, the voters of said county shall and may, by a majority of votes, determine the place at which the courts of the said county shall be held after the said election.”

Thus Allegany County was organized. It was created wholly out of the territory of Washington County, the latter parting with more than two-thirds of its superficial area, 672,000 acres, and a population of 5000 inhabitants. The act creating the county made no provision, as will be seen, for a voting-place, but elections were held until 1799 at Cumberland, which had been chosen by the people as the county-seat. Fortunately for the comfort of the citizens there were few officers chosen by ballot in those days, the only county officials being members of the Legislature and sheriff, or the electors would have been subjected to great inconvenience in traveling from Sideling Hill Creek on the one side, and Fairfax Stone on the other, to exercise their right as freemen. Many persons in those days were absolutely debarred from voting by the distance to be traversed, as was the case also in the other counties of Maryland, and in 1799 an act was passed by the General Assembly for the appointment of commissioners in every county of the State to lay off the counties into districts. The commissioners for Allegany were John B. Beall, David Hoffman, Thomas Stewart, William Shaw, George Robinet (of Nathan), and Jesse Tomlinson. Allegany was divided into six election districts, numbered from one to six, which were better known by their local names, as the Glades, Selbysport, Westernport, Musselanes, Cumberland, and Oldtown. The county remained districted as above from 1799 to 1817, in which year the Legislature passed an act for the redivision of the county into eight districts, and appointed the following commissioners for that purpose: Isaac Oyman, William Reid, William McMahon, George Newman (of Butler), and John Simpkins. The commission discharged its duty, and divided the county into the required number of election districts. The division of 1799 was generally adhered to, but a new district was established in the eastern end of the county, then and now known as No. 8, or Little Orleans and in the west No. 3, or Little Crossings, as it was known till 1850, when the polls were removed from this place to Grantsville by an act of the Legislature. The latter is the largest district in Garrett County, both in point of territory and population, having over four hundred voters, double the number of the district (Selbysport) from which it was taken. A considerable amount of its jurisdiction and population were added to Frostburg in 1856.

The members of the board which made the division are now dead. McMahon was the father of the eminent lawyer John V.L. McMahon. Reed was a prominent man of the county, and died in 1848. Newman was a “Little Crossing’s” man, and has been dead for fifty years. Simpkins lived in Selbysport District.

Since 1817 no general districting of the county has been made. As new districts were from time to time needed for the convenience of voters, they were authorized by acts of the Legislature, and laid off by three commissioners named in the act, who reported their proceedings to the County Court. By the act of 1835 Ryan’s Glades, or No. 10, was established 1849, Accident, or No. 11 1852, Nos. 12 and 13 1852, No. 14, or Song Run. In 1860 Nos. 15 and 16 were “surveyed and laid out.” These two districts are now known as Oakland and Lonaconing respectively. In 1872 the 17th District was created for the benefit of the Barton voters.

The county of Allegany displayed a proper spirit of patriotism upon the breaking out of the last war between the United States and Great Britain. Her citizens volunteered promptly, and several large companies marched to Baltimore to defend that city from the threatened attacks of the British forces. The record will be found in the chapter on the war of 1812.

(Source: The History of Western Maryland: being a history of Frederick, Montgomery, Carroll, Washington, Alleghany, and Garrett Counties from the earliest period to the present day, Vol. 2, Chapter LV, Louis H. Everts, 1882.)


Jacob Jones I DD- 61 - History

Cemetery Records Search

Our archive of cemetery records contains millions of buried persons from cemeteries across the world. Search cemetery records across our archive.

Enter a person's name to search.
.

Search Help

finds pages containing the names "mary" and/or "jones", sorted by best match.
same as above
same as above, sorted by best match
same as above, sorted by best match, that contain all words
finds pages containing "de la cruz", but will not find "delacruz".
finds pages contain either name
finds pages containing both names, sorted by best match, limited to URLs that contain "/us/ca/" (California)

A free online library of cemetery records from thousands of cemeteries across the world, for historical and genealogy research.

Follow us

What makes us Different?

Single-sourced, not crowd-sourced

Each transcription we publish comes from a single-source, be it the cemetery office, government office, church office, archived document, a tombstone transcriber. Other websites already do an excellent job of crowd-sourcing a single cemetery together. But genealogists also need to see the original records from a single source. That's what we offer.


Assista o vídeo: Little Nightmares but ruined by mods 2 (Dezembro 2021).