Podcasts de história

Babe Ruth se aposenta

Babe Ruth se aposenta

Em 2 de junho de 1935, Babe Ruth, um dos maiores jogadores da história do beisebol, encerrou sua carreira como jogador da Liga Principal após 22 temporadas, 10 World Series e 714 home runs. No ano seguinte, Ruth, uma figura enorme cujo nome se tornou sinônimo de beisebol, foi uma das cinco primeiras jogadoras a entrar no hall da fama do esporte.

George Herman Ruth nasceu em 6 de fevereiro de 1895 em uma família pobre em Baltimore. Quando criança, ele foi enviado para a Escola Industrial St. Mary para meninos, uma escola dirigida por irmãos católicos romanos, onde aprendeu a jogar beisebol e foi um atleta de destaque. Aos 19, Ruth foi contratado pelo Baltimore Orioles, então um time da liga menor do Boston Red Sox. Os colegas de equipe de Ruth e a mídia começaram a se referir a ele como o mais novo "gata" do dono da equipe Jack Dunn, um apelido que pegou. Ruth iria mais tarde adquirir outros apelidos, incluindo “O Sultão de Swat” e “O Bambino”.

LEIA MAIS: 10 coisas que você pode não saber sobre Babe Ruth

Ruth fez sua estreia na Liga Principal como arremessador canhoto no Red Sox em julho de 1914 e arremessou 89 jogos vencedores para o time antes de 1920, quando foi negociado com o New York Yankees. Depois que Ruth deixou Boston, no que ficou conhecido como "a maldição do Bambino", o Red Sox não ganhou outra World Series até 2004. Em Nova York, a posição primária de Ruth mudou para outfielder e ele levou os Yankees a sete campeonatos americanos flâmulas e quatro vitórias na World Series. Ruth foi uma grande estrela em Nova York e atraiu tantos fãs que o time conseguiu abrir um novo estádio em 1923, o Yankee Stadium, apelidado de “A Casa Que Ruth Construiu”.

A última temporada do rebatedor canhoto, em 1935, foi com o Boston Braves. Ele se juntou ao Braves com a esperança de se tornar o técnico do time na próxima temporada. No entanto, esse sonho nunca se realizou para uma Ruth desapontada, que tinha a reputação de beber em excesso, jogar e ser mulherengo.

Muitos dos registros que Ruth estabeleceu permaneceram em vigor por décadas. Seu recorde de homerun de carreira permaneceu até 1974, quando foi quebrado por Hank Aaron. O recorde de Ruth de 60 homeruns em uma única temporada (1927) de 154 jogos não foi superado até 1961, quando Roger Maris nocauteou 61 homers em uma longa temporada de 162 jogos. A porcentagem de rebatidas na carreira do Sultão de Swat de 0,690 continua a ser a mais alta da história da Liga Principal.

Ruth morreu de câncer na garganta aos 53 anos em 16 de agosto de 1948, na cidade de Nova York. Seu corpo ficou no Yankee Stadium por dois dias e foi visitado por mais de 100.000 fãs.


2 de junho de 1935 na História

História de Babe Ruth:
8 de outubro de 1961 - Whitey Ford quebra o recorde de Babe Ruth na World Series de 29 entradas consecutivas sem gols de 2/3, chegando a 32 pontos consecutivos
18 de julho de 1961 - O comissário Ford Frick rege o recorde de Babe Ruth de 60 home runs em 154 jogos agendados em 1927, deve ser quebrado nos primeiros 154 de 162 jogos
19 de abril de 1949 - Yankees dedicam uma placa para Babe Ruth
16 de agosto de 1948 - Babe Ruth, lenda do beisebol (New York Yankees), morre em Nova York aos 53 anos
26 de julho de 1948 - estreia de "Babe Ruth Story", a última aparição pública de Babe Ruth
13 de junho de 1948 - despedida final de Babe Ruth no Yankee Stadium, ele morre em 16 de agosto
27 de abril de 1947 - Dia de Babe Ruth comemorado no Yankee Stadium e em todos os Estados Unidos
2 de novembro de 1938 - Babe Ruth se candidata ao cargo de gerente do St. Louis Browns
18 de junho de 1938 - Babe Ruth é contratado como treinador dos Dodgers pelo resto da temporada
25 de março de 1937 - é revelado que a Quaker Oats paga a Babe Ruth $ 25.000 por ano para anúncios
9 de março de 1936 - Babe Ruth recusa Reds para fazer um retorno como jogador
12 de agosto de 1935 - jogo final de Babe Ruth no Fenway Park, 41.766 disponíveis
31 de maio de 1935 - Babe Ruth rebate em sua final no bastão
30 de maio de 1935 - jogo final de Babe Ruth, sem rebatidas para Braves contra Phillies
25 de maio de 1935 - Babe Ruth faz seus últimos 3 home runs, Boston Braves vs. Pirates
16 de abril de 1935 - o primeiro jogo da NL de Babe Ruth, pelo Boston Braves, incluiu um home run
26 de fevereiro de 1935 - os New York Yankees liberam Babe Ruth, ele assina com o Boston Braves
2 de novembro de 1934 - Babe Ruth faz uma turnê em Tóquio, Japão
30 de setembro de 1934 - jogo final de Babe Ruth como um Yankee, vai 0 a 3
24 de setembro de 1934 - 2.500 fãs assistem à apresentação de despedida dos Yankees de Babe Ruth no Yankee Stadium
10 de agosto de 1934 - Babe Ruth anuncia que esta é sua última temporada como jogador em tempo integral
17 de julho de 1934 - Babe Ruth desenha sua 2.000ª base de bolas em Cleveland
13 de julho de 1934 - Babe Ruth bate o home run número 700, contra o Detroit
15 de janeiro de 1934 - Babe Ruth assina um contrato de 1934 por $ 35.000 ($ 17.000 de corte)
29 de dezembro de 1933 - os ianques se recusam a libertar Babe Ruth para que ele possa gerenciar o Cincinnati Reds
1 de outubro de 1932 - a World Series muda-se para Chicago. Na 5ª entrada, Babe Ruth espera até ter 2 rebatidas, pontos e rebatidas próximo arremesso nas arquibancadas centrais do campo
28 de setembro de 1932 - New York Yankees vence World Series O arremessador vencedor é Babe Ruth batendo Red Sox por 9-3
21 de agosto de 1931 - Babe Ruth faz seu 600º home run, contra George Blaeholder, do Browns
21 de maio de 1930 - New York Yankee Babe Ruth atinge três homers consecutivos
8 de março de 1930 - Babe Ruth assina contrato de 2 anos por $ 160.000 com o gerente geral do New York Yankee Ed Barrow, prevendo erroneamente "Ninguém receberá mais do que Ruth"
11 de agosto de 1929 - Babe Ruth se torna o primeiro a atingir 500 homers em Willis Hudlin de Cleveland
1º de agosto de 1928 - Babe Ruth atinge o home run número 42 e está 4 semanas à frente de seu ritmo de 1927
30 de setembro de 1927 - Babe Ruth bate recorde de 60 home run, contra Tom Zachary
29 de setembro de 1927 - Babe Ruth empata recorde ao acertar Grand Slams em jogos consecutivos
20 de setembro de 1927 - New York Yankee Babe Ruth bate o recorde de 60 home run da temporada contra Tom Zachry
11 de setembro de 1927 - Babe Ruth atinge o 50º de 60 homers
22 de agosto de 1927 - Babe Ruth atinge o 40º de 60 homers
12 de julho de 1927 - Babe Ruth faz 30 de 60 home runs
11 de junho de 1927 - Babe Ruth faz 19º e 20º de 60 home runs
15 de abril de 1927 - Babe Ruth atinge o primeiro de 60 home runs da temporada (fora de Howard Ehmke de A)
2 de março de 1927 - Babe Ruth torna-se o jogador de beisebol mais bem pago ($ 70.000 por ano)
6 de outubro de 1926 - Babe Ruth faz 3 home runs em um jogo da World Series, os Yankees vencem o Cards 10-5
29 de agosto de 1925 - Depois de uma noite na cidade, Babe Ruth chega tarde para a prática de rebatidas. Miller Huggins suspende Ruth e aplica uma multa de US $ 5.000 sobre ele
26 de maio de 1925 - Babe Ruth está finalmente fora da cama, 5 semanas após a cirurgia de úlcera
17 de abril de 1925 - o Yankee Babe Ruth de Nova York faz uma cirurgia de úlcera
9 de abril de 1925 - Babe Ruth correu para o hospital
5 de abril de 1925 - Yankees chicoteiam Dodgers na exposição 16-9, mas Babe Ruth desmaia na Carolina do Norte devido a uma úlcera
23 de outubro de 1923 - Babe Ruth faz uma aparição na pós-temporada em um uniforme dos Giants
11 de outubro de 1923 - Babe Ruth faz 2 home runs em um jogo da World Series
30 de agosto de 1922 - Babe Ruth é expulso de um jogo pela quinta vez em 1922
25 de maio de 1922 - Babe Ruth foi suspenso por 1 dia e multado em $ 200 por jogar terra em um árbitro
6 de março de 1922 - Babe Ruth assina contrato de 3 anos com US $ 52.000 por ano do New York Yankee
9 de outubro de 1921 - o jogo de domingo da 1ª série mundial de Babe Ruth, apenas no domingo, lançado por Carl Mays
2 de outubro de 1921 - New York Yankee Babe Ruth rebate e registra 59º home run
28 de agosto de 1921 - Babe Ruth inicia uma sequência de rebatidas extra-base em 9 jogos consecutivos
12 de julho de 1921 - Babe Ruth bate o recorde de 137 home runs na carreira
13 de junho de 1921 - o arremessador dos Yankees, Babe Ruth, faz 2 home runs ao derrotar os Tigers por 11-8
10 de junho de 1921 - Babe Ruth se torna o campeão de home run de todos os tempos com o número 120, Gavvy Cravath
8 de junho de 1921 - Babe Ruth é preso por excesso de velocidade, multado em US $ 100 e mantido na prisão até as 16h
29 de setembro de 1920 - Babe Ruth bate o recorde da temporada de home run em 54
1º de maio de 1920 - 1º home run do Yankee de Babe Ruth e 50º da carreira, fora do Polo Grounds
5 de janeiro de 1920 - Boston Red Sox vende Babe Ruth para o New York Yankees
5 de janeiro de 1920 - New York Yankees anunciam compra de Babe Ruth
3 de janeiro de 1920 - New York Yankees compra Babe Ruth do Red Sox por $ 125.000
26 de dezembro de 1919 - Yankees e Red Sox chegam a um acordo sobre a transferência de Babe Ruth
27 de setembro de 1919 - o 29º home run de Babe Ruth é o primeiro do ano em Washington (o primeiro em todos os parques da liga em uma temporada)
24 de setembro de 1919 - Babe Ruth define a marca do homer da temporada aos 28 pontos do Yankee Bob Shawkey
20 de setembro de 1919 - Babe Ruth empata a marca de 27 home runs de Ned Williamson na liga principal
8 de setembro de 1919 - Babe Ruth faz seu 26º home run contra Jack Quinn em Nova York, quebrando a marca de 25 home run de Buck Freeman em 1899
5 de julho de 1919 - Red Sox Babe Ruth faz 2 home runs em um jogo pela primeira de 72 vezes
8 de julho de 1918 - a explosão de Babe Ruth por cima da cerca em Fenway marca Amos Strunk, os Red Sox vencem por 1 a 0 sobre Cleveland, as regras vigentes reduzem a corrida de Babe em casa de Babe a um triplo
7 de maio de 1917 - Red Sox Babe Ruth venceu o senador Walter Johnson por Washington, por 1 a 0
11 de abril de 1917 - Babe Ruth venceu o New York Yankees, lançando uma vitória por 10-3 por 3 rebatidas para o Red Sox
9 de outubro de 1916 - Babe Ruth inicia 29 entradas sem gols da World Series 2/3
9 de outubro de 1916 - Babe Ruth arremessa e vence o jogo WS mais longo (14 entradas) 2-1
6 de maio de 1915 - estreia do Red Sox Babe Ruth no arremesso e primeiro home run, perde para o Yankees por 4-3 em 15
12 de julho de 1914 - Babe Ruth faz sua estreia no beisebol, arremessando para o Red Sox
11 de julho de 1914 - Babe Ruth estreia como arremessador do Boston Red Sox, ele vence o Cleveland por 4 a 3
10 de julho de 1914 - Boston Red Sox compra Babe Ruth da Baltimore Orioles
22 de abril de 1914 - o primeiro jogo profissional de Babe Ruth (como arremessador) é uma vitória de 6 rebatidas por 6 a 0
6 de fevereiro de 1895 - Babe Ruth, atleta americano, lenda do beisebol


Tudo em declive a partir daqui

O tempo de Ruth com os Braves fez com que ele atuasse em dobro. Além de jogador, foi contratado como vice-presidente. Após seu primeiro jogo em Boston em 16 anos, 25.000 pessoas vieram ver o retorno de seu filho de ouro. Ruth entregou um grande momento ao ganhar todas as corridas do Brave em sua vitória de 4 a 2 contra o New York Giants. Os jornais da área elogiaram seu desempenho e o restante da MLB percebeu.

Infelizmente, seu jogo de volta foi a única coisa boa em seu retorno. Ele se tornaria um desastre completo no campo devido ao seu bem-estar físico. No início de maio, ele queria se aposentar antes que as coisas piorassem. O proprietário do Braves, Emil Fuchs, sugeriu que ele ficasse pelo menos até o Dia do Memorial. Fuchs presumiu que Ruth mudaria de ideia após algumas vitórias em seu currículo. Infelizmente, Ruth continuaria a ver suas estatísticas irem pelo ralo ao longo de vários jogos.


Babe Ruth encerrou sua carreira na Liga Principal como um outlier estatístico alucinante

Babe Ruth merecia um final muito melhor para sua carreira do que o que ele teve. Com a saúde do slugger em declínio, os Yankees libertaram Ruth em fevereiro de 1935, deixando-o para uma última corrida com o Boston Braves. As coisas não correram bem: no final de maio, Ruth estava acertando apenas 0,181, e o time estava em último lugar.
Em 30 de maio, no primeiro jogo de um doubleheader contra os Phillies, ele finalmente teve o suficiente. Ruth chutou no topo da primeira, e então, após a final fora da metade inferior, ele saiu pela cerca do meio-campo - para nunca mais aparecer em um jogo da Liga Principal. Era isso: uma eliminação inofensiva, uma ovação de pé e a carreira de Babe Ruth - o Sultão de Swat, a primeira verdadeira superestrela do beisebol & # 39 - acabou.

Em vez de ficar pensando em uma entrada de um jogo, no entanto, estamos aproveitando esta oportunidade para celebrar a carreira que ele deixou para trás. Porque, embora você sem dúvida saiba que Babe Ruth era ótimo no beisebol, é difícil contextualizar o quão bom ele era.
Ruth é usada, ainda agora, como referência, a jogadora que todos os outros estão perseguindo. Mas em 1935, seus números quase não eram concebíveis. Por exemplo: Ruth terminou sua carreira com 714 homers. Em segundo lugar na lista na época de sua aposentadoria? Antigo parceiro no crime Lou Gehrig. em 378. Sua porcentagem de golpes ficou em 0,690 - um total 50 pontos à frente de Gehrig e Jimmie Foxx. Mesmo suas eliminações eram de outro mundo, Ruth & # 39s 1.330 superando o segundo colocado Jimmy Dykes em mais de 500. Se um alienígena tivesse pousado na Terra e dado uma olhada nos livros de registro do beisebol & # 39s, eles provavelmente teriam concluído que o Babe estava jogando um jogo totalmente diferente.
É por isso que os fãs dos Yankees não se importaram que ele tivesse saído como um rebatedor em queda com a camisa de outro time. Ruth era maior do que a vida - e quando ele voltou para casa em Nova York depois de chamar isso de carreira, todos mal podiam esperar para dizer olá:


FOTOS: Neste dia & # 8211 2 de junho de 1935, Babe Ruth se aposenta

Babe Ruth, lançando ca. 1916, foi o principal arremessador do time campeão do Boston Red Sox até que sua habilidade no bastão forçou os gerentes a colocá-lo na escalação em tempo integral. Ruth jogou pelo Red Sox de 1914 a 1918, jogando na World Series em 1916 e 1918, antes de se juntar ao New York Yankees, onde se tornou o Sultão de Swat. A Associated Press

A fotografia mostra George Herman & quotBabe & quot Ruth, Ernest G. & quotErnie & quot Shore, George & quotRube & quot Foster e Dellos & quotDel & quot Gainer, voltados para a frente, vestindo uniformes do time de beisebol Boston Red Sox, sentados em um muro baixo em frente a um abrigo. A Biblioteca do Congresso

Babe Ruth aparece em um treino no New York & # 039s Yankee Stadium ca. 1920. Um homem grande, de grande apetite, Ruth nunca foi exatamente esbelto, mas nem sempre foi a figura gorda retratada mais tarde em sua carreira. No auge de sua carreira, ele parecia esbelto e atlético, mas sua predileção por cachorros-quentes - e quase tudo o mais - permanece uma parte duradoura de seu legado. A Associated Press

The National Baseball Library, Cooperstown, N.Y., The Associated Press

Babe Ruth é mostrado em 1924 com crianças em Nova York, transmitindo seu amor pelo jogo de beisebol.

Jovens dando ouvidos a Babe Ruth enquanto ele lhes conta histórias de sua vida, de orfanato à fama no beisebol, em 29 de novembro de 1924. The Associated Press

George Herman Babe Ruth com seu bezerro de estimação & quotFlossy & quot em sua fazenda em Sudbury, Massachusetts, 12 de dezembro de 1924. The Associated Press

Babe Ruth tomando sol no topo do Hospital St. Vincent & # 039s em Nova York, 4 de maio de 1925, de onde ele espera poder sair em breve. A Associated Press

New York Yankees & # 039 Babe Ruth está seguro em casa em um jogo contra os Washington Senators em Washington, 25 de junho de 1925. The Associated Press

Biblioteca Nacional de Beisebol, Cooperstown, N.Y., The Associated Press

New York Yankees & # 039 Babe Ruth é mostrado lançando outro home run no deck superior do campo direito do Yankee Stadium, nesta foto de 1927.

Babe Ruth estrelando & quotBabe Comes Home & quot, um Primeiro Filme Nacional, 1927, com Anna O. Nilsson e Louise Fazenda. A Associated Press

Babe Ruth, do New York Yankees, bate seu recorde de 60 home run em 30 de setembro de 1927, contra Tom Zachary, do Washington Senators. A Associated Press

Soldado George H. Ruth da 104ª Guarda Nacional de Artilharia de Campanha N.Y. 28 de maio de 1924. Biblioteca do Congresso

Babe Ruth é mostrado em um jogo de exibição no Estádio Meiji, Tóquio, 21 de novembro de 1934. The Associated Press

Babe Ruth carregando uma tora de 300 libras para o fogão, na neve. (Essa é a legenda original, o log não parece 300 libras) A Biblioteca do Congresso

Babe Ruth rebate um durante um jogo de exibição com o Boston Braves em St. Petersburg, Flórida, 16 de março de 1929. Os Yankees venceram o jogo por 6-3. A Associated Press

Babe Ruth e a Sra. Claire Hodgson são mostrados deixando a casa deste último para o teatro, onde anunciaram seu casamento impeditivo em 16 de abril de 1929. Hodgeson será a segunda esposa de Ruth. A Associated Press

New York Yankees & # 039 Babe Ruth dá um grande golpe no New York & # 039s Yankee Stadium em 18 de junho de 1929. Associated Press

A foto mostra o jogador de beisebol Babe Ruth inconsciente após bater em uma parede de concreto no Griffith Stadium, Washington, D.C., ao tentar pegar uma bola suja em 5 de julho de 1924. Biblioteca do Congresso

Babe Ruth cruzando a placa após fazer seu primeiro home run da temporada, 21 de abril de 1924. A Biblioteca do Congresso

Peerless & quotBabe & quot desliga novo recorde mundial & # 039s. & quotBabe & quot Ruth é visto fazendo um novo recorde com seu terceiro home run em um dia no recente cabeçalho duplo entre os ianques e os senadores, por volta de 1920. Biblioteca do Congresso

Ser pai é ótimo, diz Babe Ruth. Aqui o rei do home run está em seu apartamento em Nova York, em 4 de novembro de 1930, lendo para Dorothy, 9, Left e Julia, 14, seus dois novos filhos legalmente adotados. Entre consertar bonecas e ler para elas os jornais engraçados, o Babe vê seu tempo bem ocupado até a próxima primavera. A Associated Press

Babe Ruth é mostrado tendo um corte de treino antes da estreia em casa dos Yankees contra o Philadelphia Athletics no Yankee Stadium em Nova York, 20 de abril de 1932. The Associated Press

A lenda do beisebol Babe Ruth é vista com sua esposa Claire e filha Julia, no centro, em Nova York, 9 de fevereiro de 1933. The Associated Press

Babe Ruth assina seu último contrato de US $ 52.000 - US $ 23.000 a menos que o salário do ano passado & # 039s, em 25 de março de 1933, em São Petersburgo, Flórida. Olhando à esquerda está o coronel Jake Ruppert, presidente do New York Yankees. A Associated Press

O grande lutador do boxe Jack Dempsey presenteou o rebatedor do New York Yankees Babe Ruth com um bastão king-size antes de um jogo entre os Yankees e os Red Sox no New York & # 039s Yankee Stadium, 13 de abril de 1933. The Associated Press

O homem por trás da barba não é outro senão o defensor externo do Yankee Babe Ruth, que vestiu os bigodes para um jogo de exibição com a equipe da Casa de David em St. Petersburg, Flórida, 30 de março de 1933. The Associated Press

Babe Ruth dá um tapinha na cabeça de Ty Cobb depois de sua segunda partida de golfe no Fresh Meadow Country Club em Nova York em 27 de junho de 1941. Os dois jogadores de beisebol estão jogando um torneio de rancor de caridade com os lucros indo para as United Service Organizations. Ruth venceu a partida de hoje e Cobb venceu a primeira partida realizada em Boston, 26 de julho. The Associated Press

Babe Ruth e sua família comemoram seu 40º aniversário em sua casa em Nova York, 6 de fevereiro de 1934. A família é mostrada ao redor do piano cantando & quotFeliz Aniversário & quot da esquerda para a direita: filha Dorothy, esposa Claire, a Babe e em o piano é filha de Julia. A Associated Press

O New York Yankees Babe Ruth passa com segurança pelo apanhador do Detroit Tigers, Ray Hayworth, no Yankee Stadium em meados de agosto de 1934. Naquele mesmo mês, o Babe anunciou o que muitos já suspeitavam: esta seria sua última temporada como jogador em tempo integral. Com seus dias de glória bem e verdadeiramente para trás, ele deixou claro que ele realmente queria administrar. Os Yankees, no entanto, estavam comprometidos com o técnico Joe McCarthy. A temporada seguinte veria o Babe em Boston com o Braves debatendo da Liga Nacional. Ele mostrou lampejos de sua velha forma, mas no meio da temporada ele e o time se separaram, seus gloriosos dias de jogador finalmente chegaram ao fim. A Associated Press

Babe Ruth faz sua estreia como membro da National League Boston Braves durante o treinamento de primavera em St. Petersburg, Flórida, em março de 1935. The Associated Press

Babe Ruth Apertando as Mãos Com Pres. Warren Harding, no Yankee Stadium 24/04/23 Dr. Chas. Sawyer (médico do presidente e # 039s) e Albert Lasker também na caixa, 24 de abril de 1923. Biblioteca do Congresso

Tom Sande, The Associated Press

O rebatedor aposentado dos Yankees Babe Ruth se aquece com três bastões antes de entrar em campo no Yankee Stadium de Nova York em 21 de agosto de 1942, enquanto se preparava para uma exibição de rebatidas no estádio dois dias depois contra o grande lançador aposentado Walter Johnson. A dupla se enfrentou entre os jogos de uma rodada dupla entre os Yankees e os Senadores de Washington para o benefício dos Fundos de Ajuda do Exército e da Marinha.

Babe Ruth é mostrado em sua casa enquanto celebrava seu 50º aniversário em 7 de fevereiro de 1944. Um cavalheiro de lazer indesejado agora e inquieto como um urso enjaulado, ele preenche seus dias com boliche e inúmeras aparições em Bond Rallies. A Associated Press

Babe Ruth, esquerdo, 240 libras, aplica sua própria versão de uma chave de pescoço para Manuel Cortez, 200, depois que o grappler de Boston se recusou a atender aos avisos do Bambino & # 039s novamente aspereza desnecessária em cerca de Portland, Maine, em 2 de abril de 1945. O Babe fez sua estreia como árbitro de wrestling na disputa entre Cortez e Leo Numa, de Seattle, Wash., O vencedor do Babe diz que perdeu dois quilos perseguindo. A Associated Press

Babe Ruth, gerente do time do Leste que encontra Ty Cobb & # 039s Westerners no Esquire All-American Boys Baseball Game no Polo Grounds em 28 de agosto de 1945, mostra a cinco dos jovens alguns truques profissionais em deslizamento, em exercícios no New York field, 22 de agosto de 1945. Deslizando é Vernon Morgan, Emporia, VA, e o apanhador é Ted Mace, New Orleans, LA. Observando, (L-R) estão: Bob McCollum, Memphis, TN William Henderson, Atlanta, GA e Eddie Coppinger, Medford, MA. (AP Photo / stf)

Apesar do confinamento em seu apartamento, Babe Ruth ainda poderá ver os times de beisebol de Nova York em ação. Encerrando os eventos do Babe Ruth Day, Babe hoje, terça-feira, 29 de abril de 1947, foi presenteado com um aparelho de televisão da RCA Victor. A apresentação, que aconteceu no apartamento da Babe & # 039s Riverside Drive, onde o conjunto foi instalado, foi feita por Irving Sarnoff, presidente da Bruno-NY, distribuidora local da RCA Victor. O Babe é mostrado testando sua nova máquina. A Associated Press

Harry Harris, The Associated Press

Babe Ruth se despede de amigos na Pennsylvania Station em Nova York, em 3 de fevereiro de 1948, antes que ele e sua esposa Claire partissem de trem para a Flórida por um mês de férias.

Pode não haver lugar nas grandes ligas para Babe Ruth ir, mas os fãs sempre se lembrarão dele. Aqui está ele no centro de uma multidão de admiração do bairro que apareceu para dar as boas-vindas ao Sultão de Swat quando ele voltou em 13 de junho de 1935 para sua casa em Nova York, com dúvidas sobre seu futuro no beisebol da liga principal, após romper com o Boston Braves. A Associated Press

O grande jogador do beisebol, Babe Ruth, está assinando um contrato de beisebol com a atriz Claire Trevor, em 13 de maio de 1948, no estúdio de Hollywood, Califórnia, onde o longa & quotThe Babe Ruth Story & quot está sendo filmado. A Associated Press

Famoso New York Yankee Herman & quotBabe & quot Ruth em agradável caçada em Chester, Nova York em 25 de fevereiro de 1935. The Associated Press

Harry Harris, The Associated Press

O rei do home run Babe Ruth, vestindo seu famoso uniforme número 3, faz uma reverência ao agradecer os aplausos de milhares de fãs que viram o não. 3 aposentou-se permanentemente pelos Yankees durante a observância de 13 de junho de 1948 do 25º aniversário da abertura do Yankee Stadium em Nova York.


Estilo de vida e aposentadoria

Por causa de sua carreira de beisebol imensamente bem-sucedida e status de celebridade ampliada, isso certamente lhe trouxe conforto material. E por ser famoso, ele se tornou um ímã de rumores sobre seu gosto por boa comida, álcool e mulheres, e um estilo de vida rápido e extravagante em geral. Essas façanhas fora do campo, fossem verdadeiras ou apenas rumores, certamente acrescentaram cor à sua reputação. No entanto, sua aparente irresponsabilidade e desperdício prejudicaram suas chances de se tornar um gerente de equipe. Em 1935, ele voltou a jogar pelo Boston, desta vez pelo Braves. Ele pensou que essa também seria sua chance de dirigir uma equipe, mas nunca se concretizou.

Já acima do peso, Ruth conseguiu fazer mais três home runs em um único jogo em Pittsburgh, Pensilvânia, em 1935. Na semana seguinte, ele se aposentou oficialmente. Ruth se tornou uma das cinco primeiras jogadoras a entrar no Hall da Fama do Beisebol em sua inauguração formal em 1936.

Biografia de Babe Ruth por Stephen Koziak


Patrocínio da página de coleção online

Por apenas US $ 5 por ano, você pode ter seu nome exibido em uma página de artefato em nossa coleção online. Você pode até adicionar uma mensagem - uma nota sobre o item, uma lembrança favorita do beisebol ou uma homenagem a um membro da família ou amigo.

Naquele dia, Ruth foi a arremessadora inicial do Boston Red Sox. Ele pegou o monte durante o primeiro jogo de uma cabeçada dupla no Fenway Park contra o Washington Senators e enfrentou o rebatedor de abertura dos Senators, Ray Morgan.

O árbitro Brick Owens deu call à bola quatro e deu a Morgan uma base sobre bolas para começar o jogo. Ruth correu para o prato para discutir.

Owens avisou Ruth que ele o tiraria do jogo de bola se ele não voltasse para o monte.

"Se você me perseguir, vou socar sua cara", disse Ruth, conforme relatado pelo Washington Post.

Posteriormente, Owens jogou Ruth - e Ruth bateu na cabeça de Owens, atrás de sua orelha. Depois que os jogadores resolveram a discussão e ajudaram Ruth a chegar ao abrigo, Shore entrou em ação - tendo lançado cinco entradas em 21 de junho.

Ernie Shore arremessou sete temporadas da big league com os Giants, Red Sox e Yankees, vencendo 65 jogos e ajudando Boston a conquistar títulos da World Series em 1915 e 1916. (National Baseball Hall of Fame and Museum)

Morgan foi expulso na tentativa de roubar o segundo lugar e Shore acertou os 26 rebatedores consecutivos seguintes, ganhando uma vitória por 4-0 e - na época - um jogo perfeito.

O Boston também venceu a bebida, por 5-0.

“Nós cuidaremos de Ruth”, disse o presidente da Liga Americana, Ban Johnson.

Johnson entregou a Ruth uma suspensão de 10 jogos, mais leve do que alguns esperavam - e o jogo foi mais tarde alterado para um não rebatedor combinado.

Shore, por sua vez, arremessou 11 entradas em seu próximo início em 27 de junho, permitindo 13 rebatidas em uma derrota completa do jogo contra os Senators.

O presidente da Liga Americana, Ban Johnson, suspendeu o arremessador do Red Sox, Babe Ruth, por 10 jogos por atacar o árbitro Brick Owens, após uma caminhada inicial contra os Senators em 23 de junho de 1917.

Menos de três anos depois, muito do sucesso do pitching de Ruth tornou-se uma memória distante quando o Sultão de Swat foi vendido para Nova York - uma mudança que resultou no nascimento da dinastia Yankee.

Shore terminou sua carreira de sete anos na grande liga com um recorde de 65-43 com um ERA de 2,47. Ele perdeu a temporada de 1918 enquanto servia na Reserva Naval e, após o armistício, foi negociado com os Yankees - junto com outras estrelas de Boston Duffy Lewis e Dutch Leonard - em 18 de dezembro de 1918.

Ele se juntou a Ruth novamente no Yankees de 1920 durante sua última temporada da grande liga, quando voltou para casa na Carolina do Norte, onde foi xerife do condado de Forsyth por três décadas.

Ruth foi eleita para o Hall da Fama do Beisebol em 1936 como parte da aula inaugural.

Samantha Burkett é redatora freelance de Fairport, N.Y.

Em 23 de junho de 1917, Ernie Shore (à esquerda) e Babe Ruth se uniram para enfrentar o mínimo de 27 rebatidas contra os Senadores de Washington, com Shore retirando os 26 finalistas em ordem. (Museu e Hall da Fama Nacional do Beisebol)


A ciência por trás dos tacos de beisebol

Ruth pode não ter sido a primeira jogadora a usar bastões mais pesados, mas quando alguém tão grande como ele foi capaz de balançar como ele, foi uma verdadeira demonstração da ciência da rebatida. De acordo com um estudo de Daniel A. Russell, da Universidade Estadual da Pensilvânia, a capacidade de um morcego maior de bater com mais força depende da velocidade com que é golpeado.

Ruth, como um jogador maior na liga, foi capaz de balançar um grande bastão com velocidade semelhante a seus colegas mais magros. O resultado era que um swing de Ruth, mesmo que fosse tão rápido quanto o de seus companheiros de equipe e rivais, faria a bola voar de uma forma que a liga nunca tinha visto antes. No entanto, Ruth era um tipo de jogador muito específico.

Um jogador de beisebol mais leve, ainda hoje, teria dificuldade em se beneficiar dos bastões pesados ​​que Ruth balançava, porque o estresse de ter que balançar um bastão meio quilo mais pesado afetaria sua velocidade e precisão. Isso explica por que Ruth estava tão à frente de seus contemporâneos, mesmo que seu tamanho não estivesse necessariamente ligado a uma aptidão física superior.

Nada disso tira a habilidade de Ruth. Cada atleta se beneficia e paga o preço por sua constituição física. Ruth nunca iria expulsar os arremessadores com uma corrida de base rápida, mas se ele acertasse a bola para fora do parque, nada disso faria diferença. Além do desempenho, no entanto, esses morcegos lendários continuam sendo algumas das peças de memorabilia de esportes mais procuradas no mercado, 85 anos após sua última aparição em um jogo.


Babe Ruth era Black?

Há uma história contada pelo lendário jornalista esportivo Fred Lieb sobre Ty Cobb e Babe Ruth da década de 1920. As estrelas estavam programadas para dividir uma cabana em uma viagem de caça à Geórgia. Cobb recusou. Quando perguntado por que ele disse: "Eu nunca me deitei com um n - - - e não vou começar agora."

Ruth, a mais renomada jogadora de beisebol do século 20, a personificação de uma época em que apenas atletas brancos praticavam esportes profissionais, pode ter sido negra. Não eram apenas seus "lábios largos e nariz largo" sugerindo uma herança mista. Ou que ele saía com mulheres negras e passava as noites no Cotton Club no Harlem. Muitos de seus contemporâneos acreditavam que ele era negro.

Durante a World Series de 1922 no Polo Grounds, um jogador do Giants chamado Johnny Rawlings gritou insultos raciais contra Ruth. Após o jogo, Ruth irrompeu no vestiário do Giants e desafiou Rawlings para uma luta. Somente quando Ruth notou os escritores de beisebol parados por perto, ele se acalmou. De acordo com o biógrafo Robert Creamer, Ruth implorou aos jornalistas que não escrevessem nada sobre o incidente. Ele disse a Rawlings: "Não me importo de ser chamado de idiota e chupador de pau, mas nada dessas coisas pessoais."

Ruth tinha afinidade com jogadores negros. Depois que os Yankees venceram a World Series de 1927, Ruth se juntou a uma turnê barnstorming contra times da Negro League. Ele fez amizade com Satchel Paige, sentou-se em abrigos opostos e se misturou nas arquibancadas segregadas. Isso irritou o racista comissário de beisebol da época, Kenesaw Mountain Landis, que queria impedir a integração nas ligas principais. De acordo com o historiador do beisebol Bill Jenkinson, Ruth procurou se tornar um gerente de beisebol depois que se aposentou. Ele “não conseguiu o emprego porque Landis sabia que, se fosse contratada como gerente, Ruth teria apoiado abertamente a contratação de jogadores negros”. Ruth nunca se tornou gerente e o beisebol não quebrou a barreira da cor até a morte de Landis.

Ruth nasceu em Baltimore em 1895. Seus pais eram descendentes de alemães. Ele foi criado na pobreza e apenas um de seus seis irmãos sobreviveu à infância. Seu pai era dono de um bar e sua mãe era alcoólatra. Depois que sua mãe teve um caso com um dos bartenders de seu pai, seus pais se divorciaram. Aos sete anos, Ruth foi enviada para a Escola Industrial St. Mary para meninos. Durante seu tempo no orfanato, ele foi insultado com o apelido “n - -lips”.

No início, houve rumores de que Ruth tinha ascendência afro-americana. Seus pais eram menos que fiéis e é possível que Ruth fosse ilegítima. Ruth se passava por branco e desfrutava de todos os benefícios de um homem branco na sociedade americana. Não era incomum que celebridades afro-americanas da época se passassem por brancas. A atriz Carol Channing tinha uma avó negra. Merle Oberon, indicado ao Oscar, tinha mãe indiana e pai branco.

Do ponto de vista histórico, a formação de Ruth é significativa. Ele desfrutou do privilégio dos brancos durante uma época na América em que o racismo e a KKK prosperavam. O fato de Ruth ter ascendência mista faria com que cabeças girassem do Alabama ao Arizona. He always denied the rumors. Of course this was in his self-interest. Jackie Robinson would not break baseball’s color line until 1947, one year before Ruth’s death.

There was never hard evidence that Ruth had a multi-racial background, only supposition. He empathized with black athletes like he empathized with all who were underprivileged. Perhaps he was a black baseball player in the same way Bill Clinton was a black president.

In a 2001 article in Gotham magazine, film director Spike Lee related that his father, a huge baseball fan, always said Ruth had “some of the tar brush in him.” Lee suggested that if DNA testing was appropriate for Thomas Jefferson’s remains, to see if he fathered children by slaves, then perhaps Ruth’s remains should be tested as well. Clearly, Babe Ruth’s blackness raises important question about the history of race in America.


“Babe Ruth Days” 1947 & 1948


Front page story, New York Times, April 28th, 1947.
Yankee Stadium, Babe Ruth Day, April 27th, 1947.

“Saved” Baseball

Babe Ruth, throughout his career, had made important contributions to the Yankees, New York city, and all of professional baseball. In the 1920s, his hitting prowess not only made millions of dollars for the New York Yankee franchise, but also “saved” baseball from national disgrace. The 1919 Chicago Black Sox scandal — when players took bribes to throw the World Series — had badly tainted all of baseball. But Babe Ruth, with his home runs and out-sized personality, came along at just the right time. He wasn’t the only factor in the revival, certainly, but his power and celebrity helped energize the game, reclaim its respectability, and renew and expand the fan base. In so doing, he helped to elevate baseball’s place in American culture and to make it a much bigger business.

In the go-go 1920s, before the Stock Market crash, Ruth had been something of a symbol of American optimism the sports hero with the big smile and big appetite who seemed to make anything possible. By 1947 and 1948, of course, a lot had changed. WWII and the Great Depression were then in the past. But the fans who came out to give their final cheers for Ruth at Yankee Stadium in 1947 and 1948, were also cheering for the 1920s American optimism and derring-do that Ruth stood for, as well as his awesome accomplishments.


June 13, 1948: Babe Ruth in his last appearance at Yankee Stadium, captured in Nat Fein's Pulitzer Prize winning photo.

George Herman Ruth, born in 1895, had come to baseball via the school of hard knocks. A Baltimore saloonkeeper’s son, Ruth had been something of a problem child, and at the age of 7, his parents placed him in St. Mary’s Industrial School for Boys for his “incorrigible” behavior. The school was run by Catholic Xaverian brothers, and Ruth spent almost his entire youth there. The school became the place where Ruth — with the help and encouragement of Brother Matthias Boutlier — developed into a promising baseball player. By 1914, he was signed briefly to a minor league team before being sold with others to the Boston Red Sox.

In Boston, the left-handed Ruth became a formidable pitcher as well as a promising hitter. His pitching, in fact, helped Boston win two World Series in 1916 and 1918. He was later converted to an outfielder in Boston so he could play more often, making use of his hitting power. He did not disappoint.

In 1919, his last year with Boston before coming to the Yankees, he hit 29 home runs, breaking the existing record. Before that, no one had ever hit more than 25 home runs in one season. News of Ruth’s batting feats in Boston spread. Wherever he played, large crowds filled the stands.

In the winter of 1919, however, Boston’s owner Harry Frazee, in need of money to finance his business interests on Broadway, sold Babe Ruth to the Yankees for about $100,000 and a $300,000 loan. With the Yankees, Ruth would soon become the dominant player in all of professional baseball.

“Small Ball” No More

In the decade preceding the 1920s, baseball was not a game of home runs and high drama. Rather, it was a game of singles, bunts and stolen bases what might be called “small ball” in today’s lingo – a game of hustle with batters hitting for direction, not distance. Few players ever hit more than a dozen or so home runs per season prior to 1919. Pitchers dominated, then using the spitball, often aided by tobacco-juice. In those days, only one ball was used for the entire game – a time known as “the dead ball” era. By 1920, some rule changes had come to the game. The spitball was outlawed along with unorthodox pitching deliveries and the ball began to be replaced regularly during a game. One player, in fact, had been killed after being hit in the head with a dirty, darkened ball.

When Ruth began play with the Yankees in 1920, the team then shared the Polo Grounds stadium with the neighboring New York Giants of the National League. On May 1st that year, Ruth hit his first Yankee home run, a ball that left the Polo Grounds. By year’s end, Ruth had hit a prodigious 54 home runs, nearly doubling the existing record. No other player that year had hit more than 19 home runs. Ruth also batted for a .376 average with a slugging average of .847 – the latter a record that would stand for 80 years. The Yankees that year also shattered the league’s annual attendance mark, drawing 1.3 million fans, breaking the old mark of 900,000 set in 1908. In the following year, 1921, Ruth hit 59 home runs. Only the Philadelphia Phillies – as an entire team – hit more at 64. The “small ball” era was long gone.

A Good Investment

In the Yankee front office, meanwhile, Ruth was proving to be a very good investment. Home receipts more than doubled in each of the years 1920-1922, and the Yankees also appeared in the 1921 and 1922 World Series, producing an additional $150,000 in revenues. The Yankee share of road receipts more than doubled in each of those years as well. In 1923, Ruth continued to excel. He set a career-high batting average of .393 that year and led the major leagues with 41 home runs. The 1923 season also saw the opening of Yankee Stadium, with Ruth hitting the stadium’s first home run in the opening game, prompting sportswriter Fred Lieb to nickname the place, “The House That Ruth Built.” In 1923, for the third straight time, the Yankees faced the Giants in the World Series. Ruth hit .368 for the series, scored eight runs, and hit three home runs. The Yankees won the series 4 games to 2.


1924: Babe Ruth with George Sisler of the St. Louis Browns, one of the game’s all-time greats, who in 1922 had hit safely in 41 consecutive games and complied a .420 batting average.

In New York, and on the road, fans were turning out see Ruth in droves. One reporter wrote, “This new fan didn’t know where first base was, but he had heard of Babe Ruth and wanted to see him hit a home run. . . ” Ruth was also generating a lot of attention with his outsized personality and off-the-field carousing. He had larger-than-life appetites and eventually became one of the enduring personalities of the roaring 󈧘s. The large New York Italian immigrant community gave him the nickname “bambino.” To many people, Ruth was more than a baseball player, he was a national icon. Yet some say Ruth never quite grew up as person at times he could be down right crude. He drank, gambled, scoffed at training rules, and would argue with umpires and abusive fans. Still, New York City proved the perfect place for Ruth — the big star on a big stage, with big crowds and big media coverage. He lived large and earned over $2 million, most of which he spent. Yet Ruth could be very generous and caring, and would go out of his way for some people, and especially for sick children and orphans.

By December 1925, however, Ruth’s high living was beginning to show he was overweight at 254 pounds, had a high pulse, fat stomach, and was generally out of shape. With the help of fitness coach Artie McGovern, Ruth changed his diet and got back into shape. He also kept McGovern as his trainer. In 1926, Ruth compiled an impressive .372 batting average with 47 home runs and 146 RBIs, leading the Yankees back to the World Series. Though they lost the Series to the St. Louis Cardinals in seven games, Ruth hit three home runs in game 4.


In 1927, Lou Gehrig & Babe Ruth combined for 107 home runs and 339 RBIs, helping compile a team win-loss record of 110-44.

By 1927, the New York Yankees had built one of the greatest teams of all time, compiling a 110-44 record, sweeping the Pittsburgh Pirates in the World Series. That was the year Ruth hit his record-setting 60 home runs, a time when teammate Lou Gehrig was also becoming a powerhouse. In addition to Ruth’s record 60 home runs that year, he also batted .356, drove in 164 runs, and complied a slugging avg of .772 – all phenomenally impressive baseball feats.

In the following year Ruth had 54 home runs. In fact, from 1928 through 1934, Ruth continued to produce at that level, with very good numbers: batting averages of .300 or more every year except 1934, and hitting 40 or more home runs in each of those years except 1933 and 1934 when he hit respectively, 34 and 22 home runs.

In 1930, during spring training in Florida, when Ruth was negotiating for a higher salary — he wanted $100,000 a year, but signed for $80,000 — a reporter pointed out that he was now making a higher salary than President Herbert Hoover. Ruth replied, “I had a better year.”

Celebrity Ruth


Although not a person active in politics, Babe Ruth supported NY Governor Al Smith (D) for President in 1928, shown here with Smith in an undated photo.

Although he rarely if ever voted, he supported the 1928 presidential candidacy of New York Governor Al Smith (D), speaking on radio a few times on Smith’s behalf, and also attending at least one political convention where he introduced fellow Yankee ballplayers Lou Gehrig and Tony Lazzeri, who supported Smith as well. Ruth, in fact, refused to appear with then sitting U.S. President Herbert Hoover at a baseball game in Washington, DC in September, saying he was “an Al Smith man,” although he later apologized for the slight. In later years, Ruth did appear in a photograph with then former President Herbert Hoover, taken on November 11th, 1933 at a Stanford-USC football game. Ruth also had roles in a number of short films during the late 1920s and early 1930s, and would often appear in promotional photos with various movie and entertainment stars.

By 1935, as Ruth’s career was coming to an end, the New York Yankees traded him to the National League’s Boston Braves. But Babe Ruth still had one last hurrah left.

The Last Hurrah

On May 25,1935, against the Pittsburgh Pirates at Forbes Field, the 41-year old Ruth had four hits in the game, a rare feat on its own. But three of Ruth’s hits that day were home runs: one in the first inning that went over the right-center field wall a second in the third inning to deep right field and a third, monster drive in the ninth inning that the Associated Press then described as “a prodigious clout that carried clear over the right field grandstand, bounded into the street, and rolled into Schenley Park.” It was the first baseball ever hit out of Forbes Field. That homer brought a standing ovation for Ruth from the sparse crowd of 10,000 that day as he rounded the bases for his 714th career home run. It would be Ruth’s final home run.


Ruth at career end with the Boston Braves in 1935, the year he hit 3 home runs in one game at Pittsburgh at age 41.

In retirement, Ruth made special appearances, played in occasional exhibition games in the U.S. and abroad, and endorsed a variety of products. He also gave talks on the radio, at orphanages and hospitals, and served as a spokesperson for U.S. War Bonds during World War II.

By 1946, however, he had been diagnosed with throat cancer and although treated, doctors could do little to help him. His treatment had ended just a few months before his appearance at Yankee Stadium for the April 1947 Babe Ruth Day celebration. It was apparent to most who saw him that day that Ruth was a sick man. Having lost weight, he was not the robust player most remembered. Still, he was greeted with a great roar of the crowd after the initial convocation by Cardinal Spellman and the introductions by Major League baseball officials.

“Just before he spoke,” explained a New York Times reporter at the ceremony, “Ruth started to cough and it appeared that he might break down because of the thunderous cheers that came his way. But once he started to talk, he was all right, still the champion. It was the many men who surrounded him on the field, players, newspaper and radio persons, who choked up.” Ruth’s Hall of Fame plaque says he was the “greatest drawing card in history of baseball.” Ruth began his speech from the microphone on the field at home plate in a very raspy, painful sounding voice. “Thank you very much, ladies and gentlemen. You know how bad my voice sounds,” he said. “Well, it feels just as bad.” He proceeded to talk briefly about the game of baseball and how important it was to keep the youth of the country involved in the game. He then thanked the fans and the earlier speakers for their words of praise, and with a wave to the fans, walked from the field down into the Yankee dugout. Beneath the stands he had a few trying minutes, coughing again, before he was able to join his wife, daughter, and other friends in a boxed seat to watch the game.

The next time he appeared in public, his last, was on July 26th that year for the New York premier of a Hollywood movie, A história de Babe Ruth, with actor William Bendix playing Ruth. Shortly thereafter he was back in the hospital.

On August 16th, 1948, Babe Ruth died of throat cancer. He was 53. For two days Ruth’s body lay in state at the entrance to Yankee Stadium where tens of thousands came to pay their last respects. A Requiem Mass was held for Ruth at St. Patrick’s Cathedral with Francis Cardinal Spellman presiding. About 6,000 people attended the service, with New York Governor Thomas Dewey, New York Mayor William O’Dwyer, and Boston Mayor James Michael Curley serving as pallbearers.

Impressive Legacy

Babe Ruth left behind a professional baseball legacy that few other players would ever equal. His Hall of Fame plaque says, among other things, that he was the “greatest drawing card in history of baseball.” At the time of his death in 1948, Ruth is said to have set or tied 76 baseball records, a number of which have since been overtaken. Yet some of Ruth’s achievements stood for decades.

Ruth had set the single-season home run mark at 60 in 1927, a time when most entire teams wouldn’t reach that mark. Ruth’s record stood for 34 years until Yankee Roger Maris broke it in September 1961 (Maris and Mickey Mantle had engaged in a home run race that summer to topple the record). Ruth was also the first player to hit respectively more that 30, 40, and 50 home runs in one season. His career home run record of 714 wasn’t broken until Hank Aaron of the Atlanta Braves surpassed it in 1974. And Ruth was surprisingly durable too, considering his living-large habits. He played more than 20 years in the big leagues.


Babe Ruth in action, 1931, at Oriole Park, Baltimore, Maryland. Photo from Robert F. Kniesche / Kniesche Collection / Maryland Historical Society.

Along with his home runs, Babe Ruth put in more seasons, had more hits, more extra-base hits, more runs scored, and more runs batted-in than many of the other Yankee greats, including Lou Gehrig, Joe DiMaggio, and Mickey Mantle. Ruth led the Yankees to seven American League pennants and four World Series titles, hitting a total of 15 home runs in World Series play. He is the only player ever to hit three home runs in a World Series game on two separate occasions — game 4 of the 1926 World Series and game 4 of the 1928 World Series. Unlike many home run hitters, Ruth had a very good batting average. Wrote the Notícias Esportivas in 1999, naming him to its 100 Greatest Players list: “Lost in the fog of Ruth’s 12 American League home run titles, four 50-homer seasons, and six RBI titles was a career .342 average that ties for eighth all-time in baseball’s modern era.” Ruth’s “Louisville slugger” baseball bat — used to hit the first home run at Yankee Stadium in 1923 — was sold at Sotheby’s in 2004 for $1.26 million. Ruth’s career .690 slugging percentage (calculated by dividing total bases by at-bats) is the highest total in the history of Major League Baseball. As a pitcher in his early years with the Red Sox, Ruth won 89 games in six years and set a World Series record for consecutive scoreless innings pitched. From 1915-17, Ruth won 65 games, the most by any left-handed pitcher in the majors during that time.

Ruth’s name and legend have been enshrined in baseball history and active baseball play. In 1953, an organized baseball league for boys aged 13-to-15 was named Babe Ruth League Baseball. In 1969, Ruth was named baseball’s Greatest Player Ever in a ballot commemorating the 100th anniversary of the game. And in 1999, voting by baseball fans put Ruth on the Major League Baseball All-Century Team. Ruth’s popularity, and indeed his continuing commercial value, is seen in the recent prices paid at auction for Ruth memorabilia. Ruth’s 1923 solid ash, Louisville Slugger baseball bat used to hit the first home run at Yankee Stadium in April 1923 was sold at a Sotheby’s in December 2004 for $1.26 million. The 1919 contract that sent Ruth from the Boston Red Sox to the New York Yankees was sold by Sotheby’s on June 10, 2005 for $996,000. Ruth’s name and image — used variously in advertising and other commercial uses — continues to be under management by a public relations firm. His life has also been the subject of numerous books and web sites, including the 2006 book, The Big Bam, the cover of which is shown below in “Sources”.


Ruth plugged Wheaties cereal in radio spots & print ads in the 1930s. Sixty years later, in 1992, he appeared on a 'sports heritage' Wheaties box.

Others Cash In

In 1995, CMG made a special push with Ruth memorabilia on the anniversary of the slugger’s 100th birthday. The firm offered for sale nearly 100 “official” Ruth products – plates, beer steins, trading cards, t-shirts, telephone debit cards, computer mouse pads, and more. CMG estimated at the time that the Ruth products would bring in more than $25 million in retail sales.

Ruth’s image has also appeared in a variety of corporate advertising and marketing campaigns — Chevrolet, Coca-Cola, McDonald’s, Hallmark, Zenith, Sears, and others. In the mid-1990s, royalties and licensing fees from Ruth advertising and other ventures were expected to run “well into seven figures,” according to CMG’s Mark Roesler.

See also at this website: “Baseball Stories,” a topics page with links to 12 other baseball stories, including three other stories on Ruth – “Ruth at Oriole Park”(about a statue of Ruth at Baltimore’s Camden Yards, his early baseball youth, and years in Baltimore) “Babe Ruth & Tobacco” (Ruth’s endorsements of various cigar, cigarette, and chewing tobacco products, as well as appearances at a tobacco shop in Boston) and, “The Babe Ruth Story,” about a famous book by that title written by Ruth and sportswriter Bob Considine and the Hollywood film based on the book, both of which came out shortly before Ruth’s death in 1948. Additional sports stories can be found at the “Annals of Sport” category page.

Thanks for visiting – and if you like what you find here, please make a donation to help support the research and writing at this website Thank you. – Jack Doyle

Please Support
this Website

____________________________

Date Posted: 17 April 2008
Last Update: 29 October 2018
Comentários to: [email protected]

Article Citation:
Jack Doyle, “Babe Ruth Days, 1947 & 1948,”
PopHistoryDig.com, April 17, 2008.

_____________________________

Sources, Links & Additional Information

Louis Effrat,“58,339 Acclaim Babe Ruth in Rare Tribute at Stadium,” New York Times, April 28, 1947, p. 1

“Hello, Kid,” Tempo, Monday, August 23, 1948.

“The Babe Ruth Story,” Tempo, Monday, August 30, 1948.

Larry Schwartz, “Lovable Ruth Was Everyone’s Babe,” Special to ESPN.com.

Jeff Marx, “It’s a Babe-O-Nanza!,”Esportes ilustrados, February 6, 1995.

“The Official Web Site of The Sultan of Swat” (Family of Babe Ruth and Babe Ruth League, Inc. by CMG Worldwide).

Cliff Aliperti, “The Final Days of Babe Ruth as Covered in The Sporting News,” Inherited-Values.com, February 11, 2010.

Leigh Montville, The Big Bam: The Life and Times of Babe Ruth, New York: Doubleday, 2006, 390pp.


Biografia

George Herman Ruth Jr. was born on February 6, 1895 in Baltimore, Maryland to parents George Sr. and Kate. George Jr. was one of eight children, although only he and his sister Mamie survived. George Jr.’s parents worked long hours, leaving little time to watch over him and his sister. The lack of parental guidance allowed George Jr. to become a bit unruly, often skipping school and causing trouble in the neighborhood. When George Jr. turned 7 years old, his parents realized he needed a stricter environment and therefore sent him to the St. Mary’s Industrial School for Boys, a school run by a brotherhood of laymen from an order of the Xaverian Brothers. St. Mary’s provided a strict and regimented environment that helped shape George Jr.’s future. Not only did George Jr. learn vocational skills, but he developed a passion and love for the game of baseball.

Brother Matthias, one of the laymen at St. Mary’s, took an instant liking to George Jr. and became a positive role model and father-like figure to George Jr. while at St. Mary’s. Brother Matthias also happened to help George Jr. refine his baseball skills, working tirelessly with him on hitting, fielding and pitching skills. George Jr. became so good at baseball that the Brothers invited Jack Dunn, owner of the Baltimore Orioles, to come watch George Jr. play. Dunn was obviously impressed, as he offered a contract to George Jr. in February 1914 after watching him for less than an hour. Since George Jr. was only 19 at the time, Dunn had to become George’s legal guardian in order to complete the contract. Upon seeing George Jr. for the first time, the Orioles players referred to him as “Jack’s newest babe”, and thus the most famous nickname in American sports history was born. Thereafter, George Herman Ruth Jr. was known as the Babe.

The Babe performed well for Dunn and the Orioles, leading to the sale of Babe to the Boston Red Sox by Dunn. While Babe is most known for his prodigious power as a slugger, he started his career as a pitcher, and a very good one at that. In 1914, Babe appeared in five games for the Red Sox, pitching in four of them. He won his major league debut on July 11, 1914. However, due to a loaded roster, Babe was optioned to the Red Sox minor league team, the Providence Grays, where he helped lead them to the International League pennant. Babe became a permanent fixture in the Red Sox rotation in 1915, accumulating an 18-8 record with an ERA of 2.44. He followed up his successful first season with a 23-12 campaign in 1916, leading the league with a 1.75 ERA. In 1917, he went 24-13 with a 2.01 ERA and a staggering 35 complete games in 38 starts. However, by that time, Babe had displayed enormous power in his limited plate appearances, so it was decided his bat was too good to be left out of the lineup on a daily basis. As a result, in 1918, the transition began to turn Babe into an everyday player. That year, he tied for the major-league lead in homeruns with 11, and followed that up by setting a single season home run record of 29 dingers in 1919. Little did he know that the 1919 season would be his last with Boston. On December 26, 1919, Babe was sold to the New York Yankees and the two teams would never be the same again.

After becoming a New York Yankee, Babe’s transition to a full-time outfielder became complete. Babe dominated the game, amassing numbers that had never been seen before. He changed baseball from a grind it out style to one of power and high scoring games. He re-wrote the record books from a hitting standpoint, combining a high batting average with unbelievable power. The result was an assault on baseball’s most hallowed records. In 1920, he bested the homerun record he set in 1919 by belting a staggering 54 homeruns, a season in which no other player hit more than 19 and only one team hit more than Babe did individually. But Babe wasn’t done, as his 1921 season may have been the greatest in MLB history. That season, he blasted a new record of 59 homeruns, drove in 171 RBI, scored 177 runs, batted .376 and had an unheard of .846 slugging percentage. Babe was officially a superstar and enjoyed a popularity never seen before in professional baseball. With Babe leading the way, the Yankees became the most recognizable and dominant team in baseball, setting attendance records along the way. When the Yankees moved to a new stadium in 1923, it was appropriately dubbed “The House that Ruth Built”.

Babe’s mythical stature grew even more in 1927 when, as a member of “Murderer’s Row”, he set a new homerun record of 60, a record that would stand for 34 years. During his time with the Yankees, Babe ignited the greatest dynasty in all of American sport. Prior to his arrival, the Yankees had never won a title of any kind. After joining the Yankees prior to the 1920 season, Babe helped the Yankees capture seven pennants and four World Series titles. The 1927 team is still considered by many to be the greatest in baseball history. Upon retiring from the Boston Braves in 1935, Babe held an astonishing 56 major league records at the time, including the most revered record in baseball. 714 homeruns.

In 1936, the Baseball Hall of Fame was inaugurated and Babe was elected as one of its first five inductees. During the fall of 1946, it was discovered that Babe had a malignant tumor on his neck, and his health began to deteriorate quickly. On June 13, 1948, his jersey number “3” was retired by the Yankees during his last appearance at Yankee Stadium. Babe lost his battle with cancer on August 16, 1948. His body lay in repose in Yankee Stadium, with his funeral two days later at St. Patrick’s Cathedral in New York. In all, over 100,000 people lined up and paid their respects to the Babe.

Despite passing over 60 years ago, Babe still remains the greatest figure in major league baseball, and one of the true icons in American history. The Babe helped save baseball from the ugly Black Sox scandal, and gave hope to millions during The Great Depression. He impacted the game in a way never seen before, or since. He continues to be the benchmark by which all other players are measured. Despite last playing nearly 75 years ago, Babe is still widely considered the greatest player in Major League Baseball history.


Assista o vídeo: Babe Ruth Biography: Boston Red Sox to NY Yankees (Janeiro 2022).